Prefeito de Tutóia deve comparecer a CPI na reunião desta terça-feira

O advogado do prefeito do município de Tutóia (a 465 km da capital), Raimundo Nonato Abraão Baquil (PSDB), confirmou a presença do prefeito na reunião de trabalho da CPI de Combate a Pedofilia desta terça-feira, 4 de maio. A informação foi dada pela presidente da CPI, deputada Eliziane Gama (PPS).

A deliberação pela nova convocação do prefeito foi feita na última quinta-feira (29). Além deste caso, também entrará na pauta denúncia de abuso de adolescentes por um religioso. O caso foi encaminhado pelo Ministério Público.

Segundo informações, desde o ano de 2005 existe um processo jurídico em que o padre Giovanne Antonio Garagiola, conhecido como Frei João de Deus, é acusado de abusar sexualmente de meninos que fariam parte de um treinamento desenvolvido por ele para coroinhas em um bairro do município de Paço do Lumiar. Devem ser ouvidas duas testemunhas e uma vítima do padre.

De acordo com a deputada Eliziane Gama, como o prazo para término da CPI está chegando ao fim, os casos que não puderem ser pautados deverão ser encaminhados para a CPI de Combate à Pedofilia do Senado Federal.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.