POLÍCIA

Matéria 001/ POLÍCIA

 

=== MANCHETE ====

 

Veículos colidem

na São Marçal

 

 

Por pouco não aconteceu uma tragédia, às 17hs de ontem, na avenida São Marçal, em frente ao prédio da Asfem, altura do Bairro Filipinho, envolvendo o Palio vermelho, placa HOY-2871/São Luís-MA, conduzido por José Arnaldo dos Santos Oliveira, 64 anos, que acabou colidindo com o Gol vermelho, placa NHJ-4487 (São Luís-MA), pilotado por Ricardo Sérgio da Silva Dutra, 32 anos, que transportava três crianças.

Segundo guardas municipais de trânsito, o Pálio vermelho vinha pela avenida em alta velocidade, enquanto o Gol tentava fazer uma manobra para o lado direito. O motorista do Pálio perdeu o controle e o veículo, desgovernado, capotou em cima da calçada do colégio ao lado da Asfem, no Filipinho. Por sorte, não havia ninguém na calçada no momento do acidente.

Populares saíram em socorro do sexagenário José Arnaldo, que estava preso às ferragens do Palio. Apesar da gravidade do acidente, os condutores e as crianças nada sofreram. Saíram ilesos. Apenas danos materiais nos dois veículos sinistrados.

Os motoristas envolvidos no grave acidente ficaram à espera da perícia do Icrim.

 

 

Matéria 002/

Caçamba atravessa

canteiro e bate em

dois veículos

 

 

 

Legenda: O acidente ocorreu na avenida dos Holandeses

 

Um acidente grave ocorreu, no início da tarde de ontem, na avenida dos Holandeses, em São Luís, nas proximidades da concessionária de veículos Nissan. Segundo informações, uma caçamba, placa LVH-5470 (MA-São José de Ribamar), se deslocava no sentido Calhau/Olho d’Água, quando o motorista perdeu o controle do veículo e atravessou o canteiro central da avenida.

Ao atravessar de pista, a caçamba atingiu dois automóveis Siena, sendo um de cor azul e placa HPW-1238; e outro de cor prata, placa NHT-6638.

De acordo com informações de populares, o motorista da caçamba fugiu do local sem prestar socorro às vítimas. Já as condutoras dos dois Sienas, identificados como Lyciane Martins Lima e Neide Holanda, ficaram feridas. O Corpo de Bombeiros esteve no local realizando o atendimento às vítimas.

O acidente, envolvendo os três veículos, ocasionou em enorme engarrafamento por toda a extensão da avenida dos Holandeses, no sentido Calhau/Olho d’Água.

 

Matéria 003/

Polícia frustra fuga

em massa de presos

 

Por pouco, uma espetacular fuga de presos não foi registrada na Delegacia de Polícia de João Lisboa (MA), a 12 km de Imperatriz. Praticamente todos os presos da delegacia estavam prontos para escapar, entretanto policiais militares de plantão perceberam e efetuaram alguns disparos. Com os tiros, os presos, que já estavam prontos para pular o muro e ganhar a rua, recuaram. Os demais também recuaram e foram recolocados nas celas.

Em seguida, foi realizada revista nas celas, como também a recontagem dos detentos.

O delegado Jonas Mendes foi comunicado da tentativa de fuga, que aconteceu no início da madrugada de anteontem, e solicitou reforço de Imperatriz.

Doze presos, considerados líderes da frustrada tentativa de fuga, foram transferidos para celas da Delegacia Regional de Imperatriz, até que seja definido o destino deles. São presos perigosos acusados de crimes diversos, como homicídio, assalto, estupro e outros.

 

Matéria 004/

Fugitivo da Justiça é

preso em Imperatriz

 

Policiais civis, comandados pelo delegado Carlos César Andrade. prenderam ontem, Johnes Sousa Lima, 22 anos, fugitivo da Justiça de Coroatá (MA), onde é acusado de um homicídio. Os policiais cumpriram mandado de prisão em desfavor de Johnes emitido pelo juiz da Comarca de Coroatá.

Segundo o delegado Carlos César, Johnes e um comparsa praticaram um assalto a um supermercado em Coroatá. No dia do assalto, o proprietário do estabelecimento reagiu e matou o comparsa de Johnes. Dias depois, Johnes voltou a Coroatá, assassinou o empresário e fugiu para Imperatriz. Naquela cidade, segundo o delegado, Johnes esfaqueou um homem, crime ocorrido em julho último, na Vila Cafeteira.

Em contato com familiares da vítima, o delegado Carlos César ficou sabendo que o homem ainda se encontra em estado grave, com as vísceras ainda expostas.

Johnes, também, vai responder por tentativa de homicídio, em função de ter esfaqueado esse homem na Vila Cafeteira.

O criminoso está em uma das celas da Delegacia Regional e, nas próximas horas, será recambiado para a Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ), onde aguardará pronunciamento da Justiça.

 

Matéria 005/

Acidente na BR-010 mata

motorista e destrói caminhões

 

Vítima de grave acidente, morreu na madrugada de ontem, o motorista Valdinar Vieira Fontes, 51 anos, que morava em São Paulo. O acidente que vitimou Valdinar Fontes ocorreu às 4 horas da madrugada, na BR-010 (Belém-Brasília), nas proximidades da Fazenda Chaparral, a 20 km do centro de Imperatriz. Valdinar conduzia o caminhão Volkswagen, cor branca, que se chocou com outro caminhão. Ele viajava de São Paulo para Belém-PA.

O choque foi tão violento que a cabine do caminhão conduzido por Valdinar ficou totalmente destruída, e ele teve morte instantânea. O Corpo de Bombeiros de Imperatriz foi chamado para retirar o corpo das ferragens.

Depois de retirado, o cadáver foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), depois liberado e trasladado para a capital paulista.

O caminhão, que vinha em sentido contrário, conduzia dois veículos, um deles uma Kombi, que caiu no momento do impacto e ficou totalmente destruída. O caminhão teve destruição parcial.

Estreito – No município de Estreito, na BR-010, uma acidente envolvendo um Corsa Sedan e um Santana, matou a menina Verônica Gizelle Melo de Oliveira, de 7 anos. Ficaram feridos os pais de Verônica, sendo que a mãe está em estado grave.

Segundo informações, Verônica e os seus pais trafegavam no Santana, que colidiu com um Corsa Sedan, condutor não identificado. O motorista do Corsa estaria embriagado, pois retornava de um balneário e teria perdido o controle da direção e se chocado com o Santana. Com o choque, Verônica – que estava no banco de trás, sem o cinto de segurança – foi sacada do carro e sofreu traumatismo craniano encefálico. Foi socorrida e trazida para o Hospital Municipal de Imperatriz, onde morreu.

 

 

Matéria 006/

Mulher é presa transportando

cigarros contrabandeados 

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu em flagrante no final da tarde de ontem, no km 207 da BR-316 nas proximidades do município de Valença, a 210 km ao sul de Teresina (PI), Rita Pereira da Silva. Em seu poder foram apreendidos 288 pacotes de cigarro sem nota fiscal.

A carga de cigarros contrabandeada estava sendo transportada em um ônibus da empresa Líder, que faz linha intermunicipal. Rita Pereira foi encaminhada ao Distrito Policial de Valença do Piauí.

Sem documentação – A PRF apreendeu um menor no Km 32 da BR-316, próximo ao município de Demerval Lobão, a 30 km ao sul de Teresina. O menor foi detido por conduzir uma moto sem a documentação regulamentada por Lei.

Embriaguez – O motorista Moacir Sândis Soares foi preso em flagrante no início da noite de anteontem, no Km 601 da BR-316, nas proximidades do município de Floriano, distante 244 km ao sul de Teresina. Moacir Soares foi preso por estar dirigindo alcoolizado.

Moacir Soares, que estava conduzindo um Ford Escort, foi preso e encaminhado a um Distrito Policial da cidade de Floriano.

Acidentes – O plantão das últimas 36 horas registrou um total cinco acidentes nas estradas federais que cortam o estado do Piauí. Ao todo seis pessoas ficaram feridas em decorrências dos acidentes. Não foi registrada nenhuma vítima fatal.

 

Matéria 007/

Homem morre após

envenenar cachorro

 

Um homem de 29 anos foi assassinado a tiros, na tarde de domingo, em Maringá, no Paraná. Segundo a Polícia Civil, o crime teria sido motivado por vingança, já que a vítima teria envenenado o cachorro do vizinho -apontado como principal suspeito do assassinato.

O assassinato ocorreu por volta das 14h30, na rua Neo Alves Martins, na Zona 03, após uma discussão entre a vítima e o vizinho, de 62 anos. A Polícia não soube informar, entretanto, quando o cachorro foi morto pelo rapaz, nem se os dois vizinhos haviam brigado anteriormente.

De acordo com o delegado Elmano Rodrigues Ciríaco, que investiga o crime, o rapaz foi atingido por dois tiros e morreu a caminho do hospital. Antes de morrer, entretanto, ele contou ao pai que havia discutido com o vizinho e que o homem atirou contra ele.

O pai do rapaz prestou depoimento ontem à Polícia. Porém, o suspeito, que não teve o nome divulgado, continuava foragido até o final da tarde de ontem.

 

Matéria 008/

Irmã de juíz assume culpa

por furto ao Hiper Bom Preço

 

A assistente socia, Emília Cristhiane Sales Campos, em depoimento prestado ao delegado Benedito Carlos Lima, assumiu sozinha o furto praticado na noite de anteontem, no supermercado Hiper Bom Preço do Teresina Shopping.

Emília Cristhiane Sales Campos, é irmã do juiz de direito Carlos Marcelo Campos Sales, do Tribunal de Justiça do Piauí, que trabalha na Comarca de São Raimundo Nonato (PI). Ela foi presa por volta das 19 hs de segunda-feira, acusada de, em companhia das amigas Lucilene da Silva Nascimento e Francisca Andréa Carvalho de França, estar furtando vários litros de uísque, pneus de veículos e um condicionador de ar Split, no Hiper Bom Preço, no Teresina Shopping, no Bairro dos Noivos, na Zona Leste de Teresina.

Em depoimento, Emília assumiu a culpa sozinha e liberou as amigas. O delegado Mamede Rodrigues, titular do 5º DP, responsável pela área em que as três mulheres foram presas, informou que Emilia relatou em seu depoimento que as colegas Lucilene da Silva e Francisca Andréa não sabiam que ela estava praticando o furto. Mamede acrescentou ainda que a delegacia está providenciando o exame de corpo delito de Emília Cristhiane, para em seguida, entregá-la na Penitenciária Feminina, localizada na zona sul de Teresina, onde aguardará a decisão da Justiça.

 

Matéria 009/

Mulher morre após

acidente com moto

 

 

 

Eva Maria de Sousa, 63 anos, não resistiu aos ferimentos após sofrer um acidente na Rodovia BR 230, nas proximidades do Posto Santa Ana, em Floriano (PI), por volta das 17hs. No mesmo acidente, o mototaxista José Almeida Pereira de Sousa, o “Almeidinha’, também, ficou gravemente ferido. Ele foi encaminhado para um hospital da Capital piauiense.

Segundo a Polícia, não há muitos detalhes sobre o acidente, já que não apareceu ninguém que tenha presenciado o acidente.

Eva Maria de Sousa, moradora do Bairro Catumbi, faleceu quando estava sendo conduzida, em uma ambulância, para Teresina.

 

Matéria 010/

Loja condenada

a pagar R$ 10 mil

por danos morais

 

A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça (TJ) do Rio Grande do Sul determinou que uma loja pague indenização por danos morais para dois irmãos, que foram acusados de roubar uma caneta do estabelecimento. O TJ contraria a decisão de primeira instância, quando a Comarca de Pelotas negou o pedido dos irmãos. Cada um deverá receber R$ 5 mil.

De acordo com o TJ, uma jovem e o irmão usavam uma caneta de R$ 1,40 da loja para fazer um levantamento de preços de material escolar. Após terminar a pesquisa, a cerca de 50 m do estabelecimento, os dois foram abordados por um segurança, que insistia para que voltassem ao local.

Segundo o tribunal, a menina disse que esqueceu que estava com a caneta, mas se prontificou a devolver ou pagar pelo objeto. O segurança negou os pedidos e os conduziu à loja, onde o gerente acionou a Brigada Militar. O menino, na época com 7 anos, teria ficado em pânico e chorava muito. Os dois foram levados a uma delegacia pela polícia.

Segundo o relator do caso, desembargador Romeu Marques Ribeiro Filho, o gerente do local não deveria ter constrangido os irmãos. O magistrado afirmou que a abordagem deveria ser discreta, e o gerente deveria ter advertido a jovem para que devolvesse o produto e perguntado se iria comprar a caneta.

O relator disse ainda que os atos do responsável pela loja foram abusivos, desproporcionais, além de constranger as vítimas. A decisão foi unânime.

 

Matéria 011/

Polícia encontra

cofre furtado com

R$ 30 mil em lixão

 

Um cofre com R$ 30 mil em cheques foi encontrado por policiais civis de Campinápolis (MT), em um lixão, anteontem. O objeto tinha sido furtado de uma residência na cidade, no sábado, mas o crime só foi registrado na mesma data da recuperação dos cheques.

Segundo os policiais, os R$ 30 mil estavam divididos em 15 folhas. Também foram recuperados quatro cartões de crédito e vários documentos pessoais da vítima.

De acordo com a Polícia Civil, os ladrões entraram pelo telhado da casa e fugiram pela porta da cozinha no sábado. Os criminosos levaram R$ 2 mil em dinheiro.

 

Matéria 012/

Ciganos acusados

de matar policial

civil são ouvidos

 

 Os ciganos João Costa Silva, Damião Pereira e José Sales da Paz, atualmente recolhidos na Casa de Custódia, na zona Sul de Teresina, como acusados de autoria do assassinato do policial civil José André Pereira dos Santos, 42 anos, ocorrido em um bar no conjunto Porto Alegre, na zona Sul de Teresina, participaram ontem, no Fórum Criminal, da 1ª audiência de instrução e julgamento do processo, tendo como juiz Carlos Augusto Nogueira.

Os três foram presos por policiais da Comissão de Combate às Ações do Crime Organizado – Cico, sob o comando do delegado Samuel Silveira, titular da Delegacia de Combate aos Crimes Contra a Ordem Tributária e Relações de Consumo – Deccoterc,onde a vítima era lotada.

Logo que o crime aconteceu, na noite do dia 10 de abril, os policiais lotados na delegacia do 10º Distrito, começaram as diligências para prender os autores do delito, isto com a participação de policiais de várias outras delegacias de Teresina. Naquela oportunidade, o secretário Robert Rios, da segurança, determinou que o fato fosse apurado pela Cico, mas o delegado Samuel Silveira, na condição de chefe imediato da vítima, acompanhou e coordenou todo o trabalho.

As investigações foram realizadas no Piauí, Ceará, Bahia, Pernambuco, Tocantins e Goiás. O primeiro a ser preso foi José Sales da Paz, na cidade de Carpina (PE) e os dois outros foram localizados e presos no interior do Goiás.

A audiência foi iniciada às 9 horas com as testemunhas arroladas pelo Ministério Público sendo ouvidas. Depois foram outras as testemunhas de defesa e, finalmente os acusados foram interrogados. Vale ressaltar que o decreto de prisão preventiva foi mantido.

 

Matéria 013/

Filho de Oficial

é preso acusado

de sequestro

 

Acusado de um sequestro relâmpago na região do Grande Dirceu, Alan Kardec, filho de um tenente do Corpo de Bombeiros, foi preso na manhã de ontem e conduzido para a Delegacia da Polinter. O delegado Francisco das Chagas Costa, o ‘Bareta’, informa que Alan estava em um Corolla.

Ele está sendo submetido a interrogatório. O delegado ‘Bareta’ descobriu que existe um mandado de prisão em aberto contra Alan. Ele é acusado de assaltos.

Policiais do Rone empreenderam perseguição contra Alan e ele acabou batendo o carro contra um caminhão. Desceu e tentou fugir, invadindo casas da região, mas acabou dominado.

Antes de ser preso, ele teria jogado a arma fora, como informam os policiais do Rone. Os policiais empreenderam perseguição a Alan após receberem um chamado dando conta de que ele teria feito um assalto com refém.

 

Matéria 014/

Delegado reage a assalto

e mata o assaltante

 

Uma suposta tentativa de assalto na residência da delegada de Polícia Civil Alexandra Oliveira Medeiros e do seu esposo, o inspetor Francisco Fernando Cavalcante, terminou com o assaltante morto e o inspetor Fernando ferido. Inicialmente, a Polícia acredita que a intenção do bandido Jorge Eduardo Carvalho Melo, 35 anos, era assaltar o casal que chegava de carro em sua casa, em Fortaleza (CE). Contudo, a hipótese de um crime de pistolagem, não foi descartada. A Polícia está a procura de um segundo assaltante, que teria conseguido fugir em uma moto.

Segundo a Polícia, o casal lotado na Delegacia de Acidentes e Delitos de Trânsito – chegava em casa, em seu veículo particular, acompanhado dos filhos, de oito e quatro anos. Ao abrir o portão eletrônico da residência e começar a entrar, a delegada e o inspetor foram surpreendidos por um homem armado de revólver, entrando logo atrás do carro, no jardim da casa. O inspetor Fernando reagiu, houve troca de tiros e Jorge Eduardo caiu morto. Ferido no peito e no braço, o inspetor foi levado pela delegada no seu próprio veículo para a emergência do Instituto Doutor José Frota, onde foi medicado. Segundo familiares, não corre risco de morte.

Em instantes, a rua onde reside a delegada ficou tomada por viaturas da Polícia Militar e por vizinhos, curiosos em saber o que havia ocorrido. Dentro da casa, vários delegados, entre eles o superintendente da Polícia Civil, delegado Luis Carlos Dantas e o diretor do Departamento de Polícia Especializada (DPE), delegado Jairo Pequeno. Segundo os levantamentos feitos pela Polícia, Jorge Eduardo respondia a vários processos na Justiça, pelos crimes de formação de quadrilha, roubo, receptação e porte ilegal de arma.

De acordo com os exames preliminares, durante o tiroteio, o assaltante foi atingido por seis tiros de pistola, calibre Ponto 40.

 

Matéria 015/

Colisão mata

motoqueiro

na estrada

 

 

Um acidente envolvendo uma moto e uma camionete, modelo Pick-Up, ocorrido na PI-117, nas proximidades da pista de acesso à cachoeira do Urubu, no município de Esperantina (PI), provocou a morte do trabalhador Braulino Lopes da Silva, 54 anos.

Segundo informações prestadas por policiais lotados na delegacia daquela cidade, o motoqueiro Braulino Lopes seguia com destino a Cachoeira do Urubu e colidiu frontalmente com a camionete que seguia em sentido contrário. O motorista identificado como Pedro ainda levou a vítima para o Hospital Júlio Hartmam, onde foi examinado. Em seguida, o corpo foi liberado para o velório, que aconteceu em sua residência localizada na rua Floriano Peixoto. Ele era casado com a professora Lourdes Cardoso, a “Lourdinha”, e deixou dois filhos

 

Matéria 017/

Policial morre baleado

em assalto a padaria 

 

Um investigador de 48 anos morreu na noite de segunda-feira após ser baleado durante uma tentativa de assalto a uma padaria no bairro Independência, em São Bernardo do Campo (Grande São Paulo). Ninguém foi preso pelo crime.

Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), o policial João Fonseca Neto estava no estabelecimento, por volta das 22h30, quando um homem armado anunciou o assalto.

O dono da padaria afirmou à polícia que entregou R$ 30 do caixa, quando ouviu dois disparos, informou a secretaria. O homem ainda disse que se abaixou e só depois viu o policial ferido no chão do estabelecimento. A SSP não soube informar se o investigador reagiu ao assalto.

Mesmo ferido, o policial caminhou até a calçada, onde foi socorrido pela Polícia Militar. Ele foi levado ao Hospital e Maternidade Assunção, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

O criminoso fugiu do local em um Gol vermelho. Testemunhas afirmaram que ele estava acompanhado por um outro carro, um Corolla. Até a tarde desta terça-feira nenhum suspeito tinha sido preso pelo crime. O caso foi registrado no 3º DP da cidade.

//////////////////////

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.