Parceria oferece cursos para internos de Pedrinhas

Com a presença de diversas autoridades foi realizada, nesta segunda-feira (3), no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, a aula inaugural do curso de Mecânica Automotiva, que será ministrado para os internos.

As aulas terão continuidade, nesta terça-feira (04). A iniciativa é resultado de uma parceria firmada pela Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), por meio da secretaria adjunta de Administração Penitenciária, com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Tribunal de Justiça do Maranhão.

Ao todo, 30 detentos participam desta primeira turma. As aulas serão realizadas nas dependências da penitenciária, de segunda a sexta-feira, com carga horária de 8 horas/dia. O curso tem duração total de 20 dias, perfazendo assim o total de 160 horas/aula.

Na aula inaugural, o secretário-adjunto da SSP-MA, Carlos James Moreira França, ressaltou a importância da iniciativa. “Oportunidades como essas precisam ser constantes e só vem engrandecer e enaltecer o Sistema Prisional do Maranhão”, destacou.

Carlos James chamou a atenção para a maneira como a sociedade deve olhar para os internos. Ele destacou a importância de se criar condições para eles retornarem à sociedade como cidadãos dignos. “Todos nós sabemos que aqui dentro tem pessoas que erraram, mas isso não pode ser motivo para não darmos uma chance a eles recomeçarem a vida. Encontrar com eles fora daqui trabalhando é extremamente gratificante para nós e para a sociedade.”

Ao comentar sobre o conteúdo que será ministrado aos alunos, a diretora técnica do SENAI, Roseana Nina, fez questão de frisar que toda a didática será igual ao curso oferecido em sua unidade em São Luís. “As aulas serão exatamente iguais às que são ministradas nas salas de aula do SENAI, portanto todos vocês devem aproveitar ao máximo a excelência do curso que está sendo oportunizado, e a educação é o caminho mais curto para retomar a sua cidadania”, explicou ela durante a aula inaugural.

 É uma oportunidade inédita para os estabelecimentos prisionais, e foi muito bem recebida pelos internos, que aproveitaram o momento para agradecer à secretaria de Segurança, ao SENAI e ao Tribunal de Justiça. “Depende de nós mesmos o que faremos com esse curso. Precisamos garantir uma vida diferente e, para chegarmos ao mercado de trabalho temos que ter a devida qualificação profissional.”, disse um detento.

Além do curso de Mecânica Automotiva, a parceria vai viabilizar aos apenados, o curso de Fabricação de Vassouras que também acontecerá dentro do presídio. No local será instalada uma fábrica que será uma oficina de qualificação profissional e ainda vai proporcionar aos detentos uma fonte de renda e ocupação. A garantia de uma profissão e a remissão em um dia na pena a cada três dias trabalhados é mais um grande atrativo para os internos selecionados.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.