Para Holanda, audiência foi positiva e esclarecedora

O deputado Edivaldo Holanda (PTC) declarou na manhã desta quinta-feira (8) que, mesmo com a ausência de algumas autoridades convidadas, foi um sucesso a audiência pública realizada na Assembleia Legislativa para discutir sobre o projeto da Refinaria Premium da Petrobras, que deverá ser instalada no município de Bacabeira.

O senador e ex-ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, embora convidado desde o ano passado, não compareceu e pediu mais uma vez que a data da audiência fosse adiada. Dirigentes da Petrobras justificaram sua ausência, com pedido de desculpas, mas ainda assim o debate, de acordo com a avaliação do deputado, foi “altamente positivo, importante e esclarecedor”.

Ao fazer um relato da audiência pública, realizada na tarde de quarta-feira (7), na Assembleia Legislativa, Edivaldo Holanda enfatizou que o Parlamento cumpre seu papel e cresce diante da opinião pública quando coloca em discussão questões de interesse relevante para a sociedade.

“A lição que ficou desta audiência pública foi a preocupação de representantes da sociedade em efetivamente discutir sobre o que de fato existe de concreto em relação ao projeto de implantação da refinaria no Maranhão. Daí a importância de se debater, discutir e trazer à luz os problemas ambientais, econômicos e sociais que poderão decorrer da presença desse gigantesco empreendimento aqui em nosso Estado”, ressaltou Edivaldo Holanda.

Ele lembrou que, dada a importância do tema, a Assembleia Legislativa teve a preocupação de convidar técnicos do governo, as autoridades da Petrobras e do Ministério das Minas e Energia, e representantes de segmentos diretamente afetados pela implantação do projeto da refinaria.

Edivaldo Holanda frisou que, durante o debate, que o presidente da Assembleia, Marcelo Tavares, e outros deputados tiveram o cuidado de aprofundar o debate, promovendo questionamentos sobre os impactos do empreendimento.

“Foi possível reunir vários segmentos da sociedade civil organizada, pois todos foram convidados a participarem deste momento importante da vida do Maranhão perante a Assembleia do Estado e técnicos responsáveis pelo anunciado empreendimento. De forma que, apesar de alguns percalços, esta audiência pública foi um sucesso”, declarou Edivaldo Holanda.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.