Padre Alcides Pedrini recebe cidadania maranhense

O padre catarinense Alcides Vendelino Pedrini recebeu na manhã desta quinta-feira (20), o Título de Cidadão Maranhense em solenidade realizada na Assembleia Legislativa. A homenagem foi proposta pelo deputado Afonso Manoel (PMDB) em reconhecimento aos trabalhos de evangelização e conscientização das comunidades maranhenses.

O padre Alcides Vendelino Pedrini nasceu em Botuverá, em 5 de novembro de 1949, filho de Vitório Pedrini (in memorian) e Elvira Cestari Pedrini. Entrou no seminário aos 13 anos. O sacerdote chegou ao Maranhão em 1984 assumindo, inicialmente, a Paróquia São Pedro Apóstolo, no município de Pindaré Mirim, Diocese de Viana, onde iniciou os trabalhos de evangelização em comunidades maranhenses.

Anos depois, foi transferido para a Paróquia de Imperatriz, onde deu continuidade aos trabalhos de catequese e conscientização das famílias carentes na busca de uma vida mais digna. Apenas no período entre 1994 a 2001, realizou 3.512 batizados, 1.537 eucaristias e 350 matrimônios, além de cursos e retiros. Em 2004, o padre Alcides Pedrini veio morar na casa Paroquial de São Vicente e, então, a população de São Luís pode conviver com o religioso, cuja vida é inteiramente dedicada à religiosidade no sentido da elevação espiritual dos homens e em defesa dos menos favorecidos.

“Há 26 anos o padre Alcides Vendelino Pedrini chegou à paróquia de Pindaré-Mirim. Ao percorrer diversos municípios fez um comentário que percebia a dura realidade do povo maranhense. Acima de tudo, é um intelectual, sempre atualizado, sendo também um exímio crítico político”, discursou o deputado Afonso Manoel, justificando a entrega do Título de Cidadão Maranhense ao religioso. O parlamentar falou ainda das impressões de paroqueanos, que têm o homenageado como pessoa “sempre consciente de seu papel, sendo um sacerdote de fato e direito e que não se curva diante das injustiças”, finalizou.

No discurso de agradecimento, o padre Alcides Vendelino Pedrini lembrou a trajetória religiosa e disse honrado com a homenagem. “Sinto-me honrado por receber esse título. Aprendi a respeitar o povo e a cultura maranhense. Essa atitude de homenagear é de desprendimento e consideração e aumenta a responsabilidade de continuar trabalhando pelas comunidades maranhenses”, disse.

Com auditório lotado de familiares, amigos e religiosos, a solenidade contou com apresentação de vídeos, cânticos e entrega de uma placa de reconhecimento aos trabalhos do padre Alcides Vendelino Pedrini ao Maranhão. Na cerimônia, presidida pelo deputado Fábio Braga (PMDB), além de parlamentares, também estiveram presentes José Mário Bittencourt, secretário municipal de Fazenda, na oportunidade representando o prefeito de São Luís João Castelo, a vice-prefeita Helena Maria Duailibe Ferreira, e o ministro oficial dos Capuchinhos, Frei Rodrigo.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.