Ouvidoria da OAB: canal de comunicação com a sociedade

Um canal direto de comunicação com a sociedade que acompanha as situações conflituosas resultantes da relação entre advogados e clientes. É essa a função da Ouvidoria da OAB/MA que, além de dar respostas concretas a todos os casos que chegam ao seu conhecimento, o órgão tem sido receptivo a  todas as sugestões apresentadas pelos profissionais de advocacia

, com vistas ao melhoramento dos serviços oferecidos pela seccional da OAB.

Os advogados que militam no interior do Estado podem apresentar suas crí­ticas e sugestões ligando para o telefone (98) 2107.5402 ou enviando as mesmas para o e-mail:ouvidoria@oabma.org.br. De acordo com o Ouvidor-Geral, Windsor Santos, nos conflitos envolvendo clientes e advogados, o órgão tem procurado resolver os impasses de forma amigável, sem prejuí­zos das partes.

A Ouvidoria funciona na sede da OAB, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18 horas. O atendimento direto e pessoal pelo Ouvidor-Geral é feito das 16h às 18 horas, devendo ser ampliado, em breve, o referido horário. Os casos considerados graves e de maior complexidade são encaminhados ao Conselho Seccional da OAB, que designa um relator/conselheiro para a análise e emissão de um parecer, seguindo depois – se procedentes as denúncias – ao Tribunal de Ética e Disciplina (TED) para instauração de processo disciplinar.


A ouvidoria da OAB exerce um papel fundamental na aproximação da Seccional com os advogados, mediante uma comunicação acessível e direta, contribuindo na identificação de necessidades e problemas enfrentados pelos profissionais. A adoção deste mecanismo faz parte da meta de elevar o nível de eficiência e eficácia dos serviços advocatícios, preservando e consolidação a imagem do advogado na sociedade. Ao captar os anseios, reclamações e sugestões da classe e gerenciar as informações, atendendo cada demanda, a Ouvidoria contribui para a solução de problemas e passa a oferecer, na OAB/MA um leque de eventos e ações de interesse dos advogados e advogadas inscritos na Ordem.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.