Ouvidoria da Educação lança projeto ‘Conversando com a Escola’

Promover a participação da comunidade escolar na gestão e estimular a formação cidadão dos estudantes da rede pública estadual. Este é o objetivo do projeto ‘Conversando com a Escola’, que foi lançado nesta quinta-feira (1), no C.E. Fernando Perdigão, e percorrerá as escolas da rede estadual.

O Projeto, que é promovido pela Ouvidoria da Educação, inicialmente percorrerá as escolas da Unidade Regional de Educação de São Luís (URE), apresentando para a comunidade escolar o trabalho que é desenvolvido pelo setor e dialogando sobre a importância da participação de todos na busca por uma educação de qualidade.

A medida reafirma o compromisso do governo Flávio Dino com a promoção da gestão participativa e transparente, por meio do trabalho itinerante das ouvidorias dos órgãos públicos do Estado.

De acordo com a Ouvidora da Educação, Samira Simas, o ‘Conversando com a Escola’ significa uma tomada de atitude em relação ao exercício da cidadania, como também viabiliza uma escuta qualificada da comunidade escolar, para avaliação dos serviços e politicas públicas educacionais e ao mesmo tempo, proporciona aos gestores informações gerenciais para intervenções sistêmicas na administração pública.

“Queremos com este projeto chegar mais junto, mais próximo e ouvir mais a comunidade escolar. Essa é a grande missão do projeto. Temos um cronograma grande para o ano inteiro de 2017, com a visita de uma escola por semana, conversando e explicando o que é a ouvidoria, qual seu papel, além de levar palestrantes com temas interessantes e atuais para serem discutidos”, afirmou a ouvidora.

O estudante do 1º ano do C.E. Fernando Perdigão, Eduardo Gomes, gostou bastante da iniciativa.  “Muito interessante a preocupação da Seduc em vir à escola e explicar para que serve a ouvidoria. Não conhecia o trabalho do setor e hoje pude perceber a importância do que executam”, disse.

Aluna Monica Lima afirma que achou importante o projeto. (Foto: Lauro Vasconcelos)

Aluna Monica Lima afirma que achou importante o projeto. (Foto: Lauro Vasconcelos)

A opinião é dividida também pela representante do colegiado, Monica Lima, que faz o 1º ano na escola. “Percebemos que o governo está disposto em ajudar os alunos, querendo estar perto das escolas. Venho de escola particular e não sabia que existia esse setor na escola pública e qual seu papel. Muito interessante”, ponderou.

“Muito importante para todos os alunos. Vou levar para minha sala, para que os alunos que não puderam estar aqui possam ter conhecimento sobre o trabalho que é desenvolvido pela Ouvidoria e de que forma podemos contribuir com a educação do Estado”, concluiu Noêmia Araújo, aluna 2º da escola.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.