Gomes defende inspeção ‘in loco’ na saúde e destaca avanços no setor

O líder do governo, deputado Francisco Gomes (DEM), conclamou os deputados a inspecionarem ‘in loco’ o andamento da construção ou reforma de hospitais públicos no Maranhão, sob a responsabilidade do governo do Estado. “Vamos todos olhar de perto. Temos esta dívida com o povo que nos colocou aqui. Vamos fiscalizar, mas não é fiscalizar por meio de ouvir dizer, é para conferir”, exortou.

A proposta de Chico Gomes foi feita em meio a um debate acirrado entre governo e oposição sobre o desempenho da saúde no Estado. Diferentemente das críticas da oposição, o líder disse que já uma sensível melhora no setor, em razão dos investimentos que o Estado vem realizando. “O que eu estou vendo são hospitais sendo construídos onde não havia hospitais nem atendimento médico, hospitais que serão equipados para bem atender a população”.

Segundo Chico Gomes, apesar do curto período em que a governadora Roseana sem mantém no comando da máquina pública, já dá para perceber claros sinais de recuperação no setor da saúde. “Dos hospitais em construção, muitos já estão na fase de cobertura dos prédios. Alguns em fase adiantada; outros num estágio menor, mas é fácil notar que há uma dinâmica no projeto de reaparelhamento da saúde”.

Em resposta ao líder da oposição, deputado Edivaldo Holanda, que apontou a reforma do hospital do Ipem (Hospital dos Servidores) como a causa da superlotação dos chamados Socorrões, hospitais de emergência administrados pela Prefeitura de São Luís, Chico Gomes lembrou que já solicitou a criação de uma comissão para visitar aquela unidade de saúde, mas que “ninguém se interessou”

E também lamentou a postura do líder da oposição que, segundo seu entendimento, municia suas críticas com base em artigos de jornais. “Nossa obrigação é acompanhar o que está sendo feito, e não sair lendo artigo de jornal para comentar coisas estapafúrdias”.

Ao contrário da oposição, o líder do governo disse que adota como prática “de inspeção” viajar pelo Estado e acompanhar pessoalmente a execução de obras do governo. Lembrou que dias atrás estava de passagem pelo município Ribamar Fiquene e viu uma placa da obra de um hospital. “Fui olhar e percebi que a construção já estava em fase bastante adiantada. Aproveitei para ouvir a população, que se mostrou bastante satisfeita. Talvez essa satisfação que a população exibe seja o verdadeiro motivo do descontentamento da oposição”, alfinetou.

Chico Gomes destacou também a determinação do governo em criar um hospital de alta complexidade, que cumprirá a função de suprir uma lacuna no atendimento médico especializado e de desafogar a rede municipal de emergência. “Sempre visito os Socorrões e vejo o quanto é desumano (o sistema de atendimento). Admiro os médicos e enfermeiros desses hospitais; eles se dedicam com afinco, embora não tenham estrutura de trabalho. É um ambiente insuportável e as pessoas mais carentes infelizmente não têm opção”.

Na visão do líder, a descentralização do atendimento médico, com a construção e reforma de hospitais por todo Estado, e a criação de uma estrutura para atender casos de alta complexidade, abre a perspectiva de dias melhores para o setor de saúde. “Em breve nós teremos uma nova estrutura hospitalar no Maranhão, que irá atender com dignidade a todos os nossos conterrâneos”.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.