Funac reativa cursos profissionalizantes

A Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão (Funac) retomou semana passada os cursos de profissionalização para os adolescentes que cumprem medidas socioeducativas nas unidades de São Luís. As atividades fazem parte do trabalho de socioeducação que a Fundação realiza visando contribuir com o processo de inserção profissional dos jovens, depois de concluídas as medidas.

“A atividade profissional é fundamental para que o adolescente vislumbre uma vida diferente depois de sair das unidades”, explica a presidente da Funac, Sônia Baptista Ferreira, destacando o empenho do órgão em reativar as oficinas, que estavam sem funcionar há pelo menos seis meses.

Com carga horária de 180 horas, um desses cursos é o de Marcenaria, do qual participam 12 adolescentes que cumprem medidas de semiliberdade ou de internação, além dos egressos das medidas socioeducativas. “Eu não esperava que a Funac nos desse esse tipo de oportunidade. O curso está muito bom”, relata um adolescente de Barra do Corda, que cumpre medida no Centro da Juventude Nova Jerusalém (CJNJ), unidade de semiliberdade.

Além do conteúdo prático, que vai capacitar os adolescentes na confecção de camas, mesas, objetos de decoração, dentre outros, o curso prevê 40 horas de habilidades básicas, como relações interpessoais, comunicação, ética e cidadania e empreendedorismo.

“Estamos trabalhando para que os adolescentes saiam daqui prontos para competir com qualquer outro profissional do mercado de trabalho”, afirma o instrutor da Funac/MA, Moisés Sousa Rios.

Oficina

Este mês, a Funac/MA reativa a oficina de Estofamento, que funciona dentro do Centro da Juventude Nova Jerusalém, no bairro do São Cristóvão, e está suspensa.

Outros sete adolescentes estarão concluindo, ao final de agosto, o curso de Padeiro e Confeiteiro, na Padaria Escola da Funac, que funciona no bairro do São Francisco. Mais 13 adolescentes foram certificados no curso de eletricista e instalador predial, oferecido pela Funac em parceria com o Senai/MA.

Mais dois jovens estão cursando a oficina de Bombeiro Hidráulico, também em parceria com o Senai e a Paróquia Santíssima Trindade. No mês passado, outros dois jovens do Centro da Juventude Esperança (internação) foram certificados em Bombeiro Hidráulico. “Iremos reativar, no próximo mês, as oficinas de serralheria e reciclagem de papel”, confirma Sônia Baptista.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.