Conheça o brasileiro que chegou à Disney – e agora tenta o Oscar

Leo Matsuda dirige o curta ‘Trabalho Interno’, que está na reta final da corrida ao Oscar de melhor curta de animação

Leo Matsuda diz levar a diversidade e a alegria do povo brasileiro ao mundo com Trabalho Interno, filme da Disney na final da categoria de curtas animados do Oscar 2017. Sim, Leo Matsuda é brasileiro. E não só. O paulistano, que em Trabalho Interno aposta na dualidade “cérebro-coração” se inspira, diz, na dicotomia de sua condição de nissei (filho de japoneses imigrantes). Matsuda cresceu na Disney graças a um concurso interno para descobrir novos talentos que o revelou a John Lasseter, diretor de criação da gigante do entretenimento e a mente por trás de Toy Story e Carros. Depois de trabalhar em Zootopia, Operação Big-Hero e Detona Ralph, o brasileiro recebeu aval para tocar a própria produção, que chega ao Brasil em 5 de janeiro, como esquenta para a nova princesa da Disney. Com pouco mais de seis minutos, Trabalho Interno abrirá as sessões de Moana: Um Mar de Aventuras.

FONTE: G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.