Coluna Fatos e Noticias

Sarney não cede a pressões

Enquete realizada  pelo jornal Folha de São Paulo  revelou que a maioria dos leitores –54%– acredita que o senador José Sarney (PMDB-AP) não vai ceder às pressões de senadores e renunciar à presidência do Senado.

Dos 22.531 leitores que votaram, 54% –o equivalente a 12.149– escolheram que Sarney não iria renunciar. O restante –10.382 leitores ou 46%– escolheram a possibilidade de renúncia do peemedebista.

O resultado da enquete não tem valor de amostragem científica e se refere apenas a um grupo de leitores.

       PIPOCA DEIXA MINAS

  O jornalista Antonio Carlos Lima, o Pipoca, deixou a Comunicação do Ministério das Minas e Energia, dirigido pelo senador Edison Lobão. Pipoca vai ser conselheiro da Eletrobras.

 Aqui, no Maranhão, são diversos os comentários. Há quem diga que ele virá assumir a Secretaria da Comunicação. Outros garantem que a governadora esteja satisfeita com o trabalho de Sérgio Macedo e que Pipoca  virá, mas para ocupar outro cargo.

 

 

Mercadante pode cair
O líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP), promete resistir às pressões para impedir a reabertura de parte das 11 representações contra o presidente do senado, José Sarney (PMDB-AP). Preocupado com a própria reeleição no próximo ano, Mercadante disse que não se prestaria a esse papel e estaria disposto a deixar a liderança da bancada, caso haja nova intervenção do Planalto.

Nunca uma renúncia (à liderança) será tão comemorada como esta — desabafou um integrante da bancada petista alinhado com o Planalto, que não esconde o desconforto com a postura de Mercadante.

 

      FIÉIS DO PT A SARNEY

O grupo do PT fiel a Sarney avalia que o líder se precipitou ao convocar a bancada para discutir os recursos da oposição e agora não teria como recuar.

Mercadante quer que os três representantes do PT no Conselho de Ética tenham posição única. O problema é que Ideli Salvatti (SC) e Delcídio Amaral (MS) querem voltar para a suplência. Eles podem ser substituídos por senadores de outros partidos governistas.

 Defensores na Bahia

           

Os defensores Públicos Murilo Carvalho Pereira Guazzelli e Ana Lourena Moniz Costa são os representantes da Defensoria Pública do Estado do Maranhão na II Oficina da Rede Nacional de Defesa da Criança e do Adolescente (RENADE), que se realiza em Salvador-BA. O objetivo da Oficina é qualificar os profissionais envolvidos com a defesa, formular estratégias específicas de atuação e mobilizar diversos atores pela defesa dos direitos de crianças e adolescentes de todo o país.
          .

 

 BRANDÃO EM IMPERATRIZ

A cidade de Imperatriz parece mais um canteiro de obras com tratores e caminhões espalhados por quase todas as ruas da cidade. Desde quinta-feira (13), o deputado federal Carlos Brandão (PSDB-MA) está no município para acompanhar a administração do colega de partido e prefeito da cidade, Sebastião Madeira.

 

Em visita às obras de asfaltamento e drenagem nas ruas da cidade, realizadas com recursos próprios da prefeitura, Brandão destacou que é impressionante a mudança de realidade da população imperatrizense, que antes convivia com poeira e esgoto a céu aberto.

191 milhões de habitantes

O Brasil já tem 191,5 milhões de habitantes, segundo estimativa divulgada nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No último levantamento, de agosto de 2008, éramos 189,6 milhões. A pesquisa, com base em 1º de julho de 2009, mostra ainda que 18% dos brasileiros – aproximadamente um entre cinco – vivem nos dez municípios mais populosos.

De acordo com o IBGE, São Paulo é a unidade da federação mais populosa, com 41,4 milhões de habitantes, seguida por Minas Gerais (20 milhões) e Rio de Janeiro (16 milhões). 

“Nestas três unidades da federação da Região Sudeste concentram-se cerca de 40,4% da população brasileira”, destacou o IBGE em nota.

São Paulo  é o mais populoso

São Paulo também continua sendo, segundo o instituto, o município mais populoso, com 11 milhões de habitantes, ante 10.990.249 milhões registrados em 2008. Em 2000, a cidade de São Paulo reunia 10.434.252 de pessoas.

O Rio de Janeiro é a segunda cidade mais populosa do país, com quase metade do número de moradores de São Paulo. Segundo o IBGE, moram no Rio 6.186.710 de pessoas, um crescimento de apenas 25 mil habitantes em relação a 2008.

 Que Lula enquadre PT

 

O líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), decidiu apelar mais uma vez ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva para enquadrar o PT. Em conversas separadas com Lula na terça-feira à noite, pediu a intervenção do presidente para que a bancada petista não apoie e qualquer dos 11 recursos da oposição pela reabertura de processos contra o presidente do Senado no Conselho de Ética. Lula garantiu que atuaria junto ao PT. Renan procurou ainda o presidente do PT, Ricardo Berzoini (SP).

Em reunião na noite de quarta ,com o líder do PT, Aloizio Mercadante (SP), e com a líder do governo no Congresso, Ideli Salvatti (SC), Sarney reiterou que não aceitaria, em hipótese alguma, ser investigado. A conversa ocorreu no gabinete da presidência do Senado. Para evitar constrangimentos ao PT, que não esconde a dificuldade em ficar contra a abertura de todas as investigações, Renan  articula a nomeação para o Conselho de Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Romero Jucá (PMDB-RR) – este só se houver cessão da vaga pelo PT – para duas das quatro vagas de titulares do Bloco de Apoio ao Governo.

 

Líder recusou convite de Lula

Sarney não escondeu a contrariedade, nos encontros, com a resistência de Mercadante e sua insistência em abrir pelo menos uma investigação. Lula, após a conversa da véspera, tentou levar o líder para uma viagem que fez nesta quarta ao Rio, . O petista não aceitou o convite.

Sarney recusou o roteiro para a solução da crise que previa a investigação dele e do líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM), no Conselho, com o compromisso, porém, de que não haveria processos de cassação. Sarney quer liquidar a questão agora. Mas orientou seu aliado Gilvam Borges (PMDB-AP) a apresentar recurso contra o arquivamento da denúncia contra Virgílio.

Holanda critica

             

O deputado Edivaldo Holanda (PTC) ocupou a tribuna na sessão de quinta-feira,( 13) para denunciar irregularidades que estariam sendo cometidas no Grupo Tático Aéreo (GTA), agrupamento policial especializado que utiliza helicópteros em suas ações. Segundo ele, o GTA estaria utilizando pilotos sem qualificação .

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.