Depresão faz vigilante recorrer ao suicídio em Bacabal

O pescador Francisco Nascimento, de 54 anos de idade conhecido  como “Baixinho”, recorreu ao suicídio na manhã dessa terça-feira, (29). O corpo foi encontrado por populares por volta das 7hs,  nos fundos de sua residência na Avenida Mearim. Ele estava amarrado com uma corda em volta do pescoço pendurada a um  galho de árvore, as margens do Rio Mearim de  Bacabal. Baixinho trabalhava  em uma loja de cosméticos como vigilante e nas  horas vagas momentos costumava a fazer bicos. Amigos mais próximos de  Francisco  informaram bebia muito e sofria de depressão, isso  ter sido  causa principal do mesmo ter tirado a própria vida, já que  era separado da esposa, e tinha seis filhos, mas  morava sozinho. Uma vizinha contou aos policiais que o vigilante não tinha inimigos, nos últimos dias andava comentando a pessoas  que poderia  dá um cabo a própria vida.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.