Vídeo mostra ladrão sendo atingido por policial militar

Moradores de um prédio próximo ao local da prisão dos bandidos responsáveis pelo roubo na loja Vivara, no Goiabeiras Shopping, nessa segunda-feira (04), flagraram toda ação dos policiais, inclusive o momento em que o bandido, que acabou morrendo no Pronto-Socorro de Cuiabá, foi atingido por um militar.

As imagens (veja abaixo) mostram dezenas de policiais participando da ação. Os bandidos foram cercados, dois se entregaram, um conseguiu fugir e um morreu.

O roubo aconteceu no início da tarde, por volta das 13h25. A Polícia Militar foi acionada por seguranças do shopping, quando o roubo ainda estava acontecendo. Os clientes causaram uma correria no estabelecimento, visto que tiros foram disparados dentro do shopping.

Conforme o boletim de ocorrência, os suspeitos fizeram os funcionários como reféns, dispararam tiros e fugiram pela rua lateral do shopping.https:

Diversas equipes da Polícia Militar foram acionadas para prestar auxílio na ocorrência, já que todos os ladrões estavam armados.

Quando uma das viaturas estava chegando ao shopping, encontrou os suspeitos saindo do estabelecimento. Os bandidos atiraram contra os policiais e fugiram em seguida, em um Ford Fiesta de cor branca, com placa clonada.

Os policiais seguiram os suspeitos até a Rua Togo Pereira, quando os perderam de vista. Outras viaturas também estavam à procura dos ladrões e uma delas os encontrou no Bairro Jardim Cuiabá II, próximo ao Centro Comunitário.

Eles abandonaram o carro e saíram correndo, todos com armas na mão. Nesse momento, conforme o boletim de ocorrência, um dos suspeitos, de 23 anos, deitou no chão e se entregou.

Outras equipes foram acionadas e continuaram as buscas pelos dois suspeitos que continuavam fugindo. Eles estavam nos fundos da Escola Municipal Alzira Valladares, na Avenida Senador Metello.

Quando perceberam que os policiais estavam próximos, os ladrões pularam o muro do da escola (no vídeo um morador narra esse momento). Os militares também tentaram pular o muro para continuar a perseguição, mas foram recebidos a tiros e revidaram.

Os suspeitos conseguiram fugir mais uma vez e entraram em um terreno baldio na Rua Dr. Virgílio Alves Corrêa. Nesse momento, mais um suspeito, de 21 anos, deitou-se no chão e se rendeu. Com ele foi encontrada uma arma calibre 357, com duas munições intactas e duas deflagradas.

Por fim, os policiais cercaram o último suspeito que estava tentando fugir, Adriano Júnior Siqueira Almeida, de 19 anos, que apontou uma arma para os policiais e foi atingido, caindo no chão em seguida.

Com ele foi encontrada uma arma calibre 38, com quatro cápsulas deflagradas. Os militares levaram o rapaz ao Pronto-Socorro de Cuiabá em estado grave, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Outras equipes, com apoio do Ciopaer, tentaram localizar o quarto suspeito, mas ele não foi encontrado no momento. Porém, a Polícia Militar conseguiu o nome e endereço dele e, mais tarde, ele foi preso.

Uma equipe refez o caminho dos suspeitos e encontrou algumas joias roubadas da loja em um matagal, no fundo da escola Alzira Valladares.

O carro utilizado no crime tinha sido roubado de um sargento do 1º Batalhão da Polícia Militar, que também teve sua arma roubada. Os policiais tentaram encontrar a pistola do PM na casa de um dos suspeitos, mas não a encontraram.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.