UemaSul: implantação do curso de Medicina está em andamento

O projeto para a implantação do curso de Medicina na Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul) está em fase de consultoria. A graduação vai abranger toda a Região Tocantina do Estado, a qual tange 22 municípios que a compõem e estima-se que o projeto seja finalizado até 2019. Além da criação do curso, está prevista a formação do Centro de Ciências da Saúde da UemaSul.

A consultoria de planejamento está sendo realizada por uma empresa de São Paulo, que em conjunto com a comissão responsável, realiza visitas técnicas e levantamentos sobre a Rede de Saúde da Região. De acordo com a Presidente da Comissão Organizadora de Implantação do Curso de Medicina, Sheila Elke Araújo, o grupo trabalha desde o começo deste ano na criação. “Queremos que este profissional formando seja diferente e traga resultados de crescimento para a Região”, explicou a presidente.

Afora as questões estruturais, as unidades responsáveis discutem também os pontos pedagógicos e as diretrizes curriculares. A fim de agregar mudanças às atuais políticas de saúde, a organização do curso é feita com base na realidade a qual a Região está inserida e também dentro do contexto de crescimento da própria Uemasul.

Para a Gestora Regional de Saúde, Iracilda Viana, o curso de Medicina dentro do ensino público vai ampliar o acesso para aqueles que desejam ingressar nessa formação. Um dos pontos ainda reforçado pela gestora é o melhoramento do número de médicos na população da região, com maior familiaridade dos problemas da população local. “O Maranhão é o estado com menor número de médicos por habitantes no país, então os índices de profissionais disponíveis vai ser aperfeiçoado”, afirmou Iracilda.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.