Trabalhadores cearenses são resgatados de trabalho análogo à escravidão

Uma operação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Ministério do Trabalho (MTE) e Ministério Público Federal, realizada ontem (13), resgatou 20 pessoas que trabalhavam em regime análogo à escravidão, no município de Vargem Grande.

Segundo informações dos agentes envolvidos na operação, os trabalhadores são cearenses e trabalhavam em condições extremamente precárias na extração de carnaúba.

O destino do material extraído pelos trabalhadores resgatados tinha como rota os Estados Unidos e a China.

Os trabalhadores, após serem resgatados, foram pagos e terão todos os direitos trabalhistas repeitados. Eles foram encaminhados ao Ceará.

No local onde os homens estavam a polícia encontrou peixes armazenados junto à ração para cavalos. Eles dormiam em um lugar semelhante a um estábulo, e o pouco dinheiro que recebiam só era suficiente para a alimentação.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.