Senador lança cartilha sobre o novo ensino médio

 

A cartilha explica os 11 pontos que mais causam dúvidas sobre o novo modelo que será adotado a partir de 2019

 

Na quinta-feira (10), foi lançada a cartilha “Novo Ensino Médio: o que é importante saber?”. O material visa responder às principais dúvidas de estudantes sobre o assunto, a cartilha explica 11 pontos que mais geram dúvidas sobre o novo modelo adotado em lei para o ensino médio. A publicação, produzida pelo senador Pedro Chaves (PSC-MS), será distribuída em escolas de todo o país. Para o senador, o fato de os alunos poderem escolher parte das disciplinas deve estimular os estudantes.

 

“É uma cartilha bastante simples. Ela tira basicamente todas as dúvidas, inclusive da formação técnico profissional. No novo ensino médio, o aluno é protagonista do seu futuro. O ensino é extremamente flexível”, disse o senador.

 

Pedro Chaves informou que a primeira edição da cartilha tem 30 mil exemplares, que serão distribuídos gratuitamente nas escolas. O senador explicou, ainda, que será lançada, em breve, uma versão eletrônica, para que o conteúdo da cartilha seja acessado pela internet.

 

Sobre a reforma

 

A Reforma do Ensino Médio foi estabelecida por meio da Medida Provisória (MPV) 746/2016, da qual o senador Pedro Chaves foi relator no Congresso. Essa nova configuração do ensino médio brasileiro deve ser implantada a partir de 2019, sendo que o novo ensino médio passa a ter três disciplinas obrigatórias e não mais 13.

 

Outras mudanças fazem parte da reforma, como a inclusão de aulas em tempo integral e a formação técnica de nível médio durante o tempo regular de estudo. A implantação da reforma depende, ainda, da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), um conjunto de orientações que deverá nortear os currículos.

 

Segundo o senador Pedro Chaves, dentre as alterações do novo modelo, a flexibilização do ensino e a possibilidade de maior autonomia dos aluno são os pontos mais importantes dessa mudança.

 

Veja a entrevista que o relator da reforma do ensino médio deu na TV Senado, falando sobre as mudanças, que segundo ele, vão causar uma queda das taxas de evasão e repetência

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.