Reforma no prédio da UemaSul garantirá mais conforto para comunidade universitária

As obras de reforma no espaço onde vai funcionar da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul), em Imperatriz, seguem em ritmo intenso.  O local, de 2 mil m², receberá reparos na parte elétrica, hidráulica, piso, forro, revestimentos de parede e o melhoramento da fachada. Para não atrapalhar o calendário letivo, a parte emergencial será entregue no início de março. Os serviços estão sendo executados pela Secretaria de Estado da Infraestrutra (Sinfra).

O prédio foi construído na década de 1970 e nunca recebeu uma intervenção deste porte. Por isso, apresenta problemas graves, como a falta de água, deficiência no sistema elétrico e de refrigeração. A readequação é fundamental para garantir o processo de ensino e aprendizagem. “Enfrentamos muitos problemas. Essa é uma resposta a uma luta da comunidade acadêmica que vai garantir condições mais viáveis de funcionamento”, avaliou o estudante Lucas Guimarães.

O levantamento técnico da reforma foi realizado em novembro, após a vistoria no local com a presença de professores, alunos e técnicos. Para o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, a resposta rápida do Governo do Estado é uma demonstração de respeito e compromisso do governador Flávio Dino com a Região Tocantina.

“Estamos gratificados de dar os primeiros passos rumo a construção da UemaSul, um sonho antigo que agora se torna realidade com a determinação do governador Flávio Dino em gerar as condições favoráveis ao desenvolvimento, geração de emprego e renda e melhores perspectivas profissionais para os jovens da região”, avaliou Clayton Noleto.

UemaSul

A UemaSul, a primeira universidade no interior do Maranhão, foi instituída pelo governador Flávio Dino no dia 1º de novembro de 2016. Atende a uma reivindicação da comunidade acadêmica de mais de três décadas. A iniciativa faz parte do projeto do Governo do Estado de regionalização do ensino superior no Maranhão.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.