Quatro pessoas são presas com armas e drogas em Maracaçumé

e908aff1-5e34-4587-8691-74ada6b6364eNa noite desta quarta-feira (11), as equipes de policiais militares de Codó, (Força Tática) e de moto – patrulhamento “esquadrão águia”, prenderam no Km 17 da MA, 026, no município de Codó, quatro pessoas suspeitas de integrarem uma quadrilha de estelionatários que estavam atuando naquela região

Os envolvidos foram abordados em um veículo Ford Eco Sport, de cor preta, placa OIS – 6250. Sendo eles, Manoel de Brito Pacheco 38 anos, Raimundo Berchal de Sousa Filho 23 anos, George Ferreira da Cunha 86 anos, e Antônia Pereira da Silva 81 anos. Os suspeitos tentaram esconder os objetos, deixando os policiais desconfiados, que revistaram o automóvel, onde encontraram 72 cartões de diversos bancos (CEF, BB, BRADESCO, BANCO NORDESTE, e certa quantia em dinheiro de R$ 3.500,00).

Todos os membros da quadrilha foram ouvidos, sendo que os policiais fizeram outra revista na residência do suspeito, Manoel de Brito, onde encontraram mais documentações falsas escondidos em uma mochila com 20 cédulas de identidade, 02 títulos de eleitor, 48 CPFs, 146 carteiras de trabalho 1°via, 35 carteiras de trabalho 2°via, 06 carimbos, diversos extratos de saques bancários, além de uma arma de fogo, revólver cal. 32 com 6 munições, sendo 3 delas deflagradas e um computador. A esposa do acusado Manoel, Ednalva do Rosário da Conceição 28 anos foi conduzida ao tentar obstruir a ação policial escondendo a mochila a fim de que os policiais não encontrassem mais provas contra seu cônjuge.

Os cinco acusados foram apresentados na 4° Delegacia Regional de Codó e encontram-se à disposição da Justiça.

Na manhã desta quinta feira  (12), a Polícia Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Repressão  Narcotráfico – SENARC, e Superintendência de Policia Civil do Interior – SPCI (8a Delegacia Regional de Zé Doca) deflagrou a “Operação Incurso Sem Drogas”, nos municípios de Maracaçumé e Junco do Maranhão, em cumprimento a mandados de busca e apreensão, que resultou na prisão de nove pessoas, apreensão de crack e maconha,  seis espingardas, e vasta quantidade de munições, calibres 380, 32, 38 e 20. Os presos foram conduzidos a Delegacia de Polícia Civil de Governador Nunes Freire, onde estão sendo autuada em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

Durante a ação policial, foram presos:

José Nonato Xavier Viana, Francisco da Silva pessoa, Deones Pereira Barbosa, João do Nascimento Barros, Josinete Nascimento Leitão Pessoa,  Ivan Silva dos Santos, Antônio Alves e Raimundo Alves de Araújo. A operação decorreu de ação integrada da SENARC e 8a Delegacia Regional de Zé Doca. Foram feitos levantamentos de pontos de vendas de drogas e de comércios que vendiam armas e munições.

Textos: SSP

Por SSP

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.