Presidiário e usuário de droga morre afogado em Bacabal

Por Mauro Garcia

Foi encontrado deste sábado (6)  ás margens do Rio Mearim, o corpo de Wilton de Sousa Santos, de 36 anos de idade, morador da Rua Armando Castro, no bairro Trizidela, em Bacabal.

A vitima se encontrada desaparecida desde a manhã do dia 22 de abril, quando foi visto pela ultima vez , por volta das 7h no Rio Mearim, próximo de uma ponte que corta a rodovia BR-316, na tarde deste sábado (6), no povoado Sincorá, localizado na zona rural de Bacabal, distante de onde Wilton havia se afogado.

Familiares não descartavam a hipótese da sua morte pelas circunstâncias, que a vitima era usuário de drogas e deva ter ingerido bebida alcoólica.

Como presidiário, Wilton também usava uma tornozeleira eletrônica presa  na perna  devido a pena aplicada  por  crimes que  praticou .

De acordo com esposa identificada como, Samantha Batista, um boletim de ocorrência foi registrado dois dias depois do desaparecimento, e chegou até comunicar o desaparecimento  na  sede do 6º Batalhão do Corpo de Bombeiros, localizado  na Rua Frederico Leda.

Samantha resolveu denunciar o descaso à imprensa  local devido a demora, mas a guarnição explicou os motivos, segundo eles  nos últimos dias os  soldados do 6º BBM estavam  reversando , e a havia muita dificuldade  ja que o corpo desapareceu em um rio.

Somente por volta das 16 horas deste sábado (6)  bombeiros com ajuda de  pescadores conseguiram localizar o  cadáver que foi  tirado das águas do Rio Mearim

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.