Prefeitura inicia nova turma do projeto Oportunizar

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), iniciou esta semana a turma do curso de Agente de Conservação e Limpeza para estudantes com deficiência matriculados na rede municipal de ensino. É a terceira turma do projeto este ano, com 25 estudantes matriculados. Os cursos são viabilizados através de parceria com o Serviço Social de Aprendizagem Comercial (Senac) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Para marcar o começo das atividades do segundo semestre do projeto Oportunizar, foi realizada uma aula inaugural no auditório da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Luís Viana. A atividade contou com a participação dos novos estudantes, suas famílias e os professores do curso. O projeto Oportunizar é de iniciativa da Prefeitura de São Luís e tem o objetivo de iniciar a qualificação profissional dos estudantes com deficiência, viabilizando, ainda, oportunidades de inserção no mercado de trabalho.

A iniciativa segue a política do prefeito Edivaldo para a área da Educação, com foco na inclusão social, no incentivo à formação profissional e na garantia do acesso à escolaridade para todos. “Este projeto expressa o que há de mais verdadeiro na política de educação inclusiva executada na gestão do prefeito Edivaldo: reconhecer nos nossos estudantes, independente de deficiências, competências e habilidades transformadoras, oferecendo a eles condições de se desenvolver e se integrar profissionalmente”, disse o secretário Geraldo Castro.

QUALIFICAÇÃO
Desde o início da gestão Edivaldo, 115 estudantes já participaram dos cursos oferecidos pelo projeto. Copeiro, auxiliar de cozinha, operador de computador, recepcionista, pintor de obras imobiliárias e instalador hidráulico são alguns dos cursos já oferecidos.

O curso de Agente de Conservação e Limpeza possui carga horária de 160h/aula e será realizado na Sala Permanente de Educação Profissional, localizada na U.E.B. Luís Viana. As aulas acontecem de segunda a sexta-feira, das 13h30 às 18h, com previsão de encerramento para o mês de novembro. Ao final do curso, os estudantes serão certificados e encaminhados para o mercado de trabalho através de um banco de dados de empresas parceiras.

O conteúdo programático do curso é dividido em módulos. Além dos conteúdos práticos, temas como preparação para uma entrevista de emprego, ética e cidadania e direitos do trabalhador estão entre os assuntos trabalhados no curso. “A ideia é desenvolver a cidadania através da teoria e prática e guiá-los antes de entrar nos temas práticos da capacitação. O curso também conscientiza os familiares, revelando para eles que seus filhos podem alcançar seus objetivos e permanecer no mercado de trabalho”, destacou a professora psicopedagoga, Ivana Andrea Dias Ramos.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.