Prefeito Zé Martins participa do lançamento do Selo Unicef

O prefeito de Bequimão, Zé Martins (PMDB), participou nesta terça-feira (27) do lançamento do Selo Unicef, que aconteceu no Palácio Henrique de La Roque, em São Luís. No evento, foram apresentadas novas estratégias e ações conjuntas que deverão ser desenvolvidas, entre 2017 e 2020, para melhorar a vida de crianças e adolescentes no estado. As ações devem reunir esforços dos municípios, Governo do Maranhão, organizações parceiras e Unicef.

A iniciativa do Unicef tem o objetivo de estimular os municípios a implementar políticas públicas para garantia dos direitos das crianças e adolescentes. Nos próximos quatro anos, o município de Bequimão deverá ampliar seus investimentos na oferta de serviços de saúde, educação, assistência social e participação, visando produzir impactos reais e positivos na infância e adolescência.

“Em Bequimão, já realizamos desde 2013 a Semana do Bebê Quilombola, que é uma ação acompanhada pelo Unicef e direcionada à melhoria de 13 indicadores sociais relacionados à primeira infância quilombola. Fomos o primeiro município do país a implantar essa experiência e conseguimos, nesses últimos anos, avanços significativos nesses indicadores”, observou o prefeito Zé Martins.

O Selo Unicef é uma certificação internacional com o objetivo de mobilizar a sociedade, poder público e parceiros em reconhecimento aos avanços registrados pela infância e adolescentes. “O Unicef capacita os gestores municipais e define os indicadores que ajudarão a monitorar os resultados das ações. Esses resultados só aparecem em consequência de um trabalho intersetorial no município”, disse a representante do Unicef no Brasil, Gary Stahl.

Participaram do lançamento o governador Flávio Dino e a embaixadora da Unicef, a ex-ginasta Daiane dos Santos. Ela destacou a importância desta ação para a infância e juventude: “Um cuidado maior que se tem com a criança e o adolescente, onde a gente pode mapear o que está sendo feito para a melhoria da qualidade de vida das crianças, desde o cuidado com taxa de natalidade, até o cuidado com o desenvolvimento da criança e do adolescente”, afirmou.

 

Com informações da SECAP/MA

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.