Operação prende suspeitos de expulsar moradores que não seguiam ordens do tráfico em São Luís

Três pessoas foram presas em uma operação policial na região do Jaracaty, em São Luís. Mais de 30 policiais fardados e à paisana participaram da ação, que faz parte da 5ª fase da ‘Cerco Total’. O objetivo é apreender armas de fogo, drogas ilícitas e pessoas com prisão decretada pela justiça.

No caso da operação no Jaracaty, a polícia afirma que haviam denúncias de que traficantes da área davam ordens de retirada a moradores que não concordavam com as normas do crime.

“A denúncia é a de que eles estão aterrorizando a comunidade. Pessoas até se mudando de residência por causa deles’, informou a tenente-coronel Edilene Soares.

Um dos barracos da comunidade era o esconderijo de Jonas Frazão Barros, de 19 anos. Segundo a polícia, ele é um foragido da justiça que já cometeu crimes de roubo, tráfico de drogas e homicídio.

“Nós prendemos o Jonas, que é traficante com denúncias da comunidade de que estava causando o terror aqui. Dois facões foram encontrados. Prendemos o ‘esquisito’ também, que é foragido. Tem acontecido vários assaltos aqui na região da ilhinha e acreditamos que provavelmente são eles que cometem esses crimes”, afirmou a tenente-coronel Edilene.

Três pessoas foram presas na 5ª fase da operação 'Cerco Total' (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Três pessoas foram presas na 5ª fase da operação ‘Cerco Total’ (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Além de Jonas, a polícia também prendeu Gerson Santos da Silva, de 30 anos, e Sérgio Santos da Silva, de 28 anos. Todos foram levados para a delegacia do São Francisco. A polícia também apreendeu dinheiro, um revólver, uma faca, um facão, seis munições e duas carteiras de identidade. FONTE G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.