Médico acusado de estupro passa por Audiência de Custódia

 

Claumir Simões é acusado de tentar estuprar uma paciente de 40 anos dentro do consultório, no posto de saúde Três Poderes.

 

revista para começar às 11h30, desta segunda-feira (23), a Audiência de Custódia, do médico cardiologista Claumir Simões foi adiada para às 14h30 de hoje. Ele é acusado de tentar estuprar uma paciente de 40 anos dentro do consultório, no posto de saúde Três Poderes.

O caso caso teria acontecido no mês de junho, mas só veio à tona semana passada, após a conclusão das investigações. A prisão preventiva foi decretada pela juíza Ana Lucrécia Bezerra, que também vai presidir a Audiência de Custódia.

O médico foi preso na última sexta-feira (21), em cumprimento a um mandado de mando de prisão preventiva, solicitado pelo Ministério Público. De acordo com as informações, o médico, que teve seu contrato reincidido pela gestão municipal, após a prisão, chegou ao Fórum de Justiça de Imperatriz, vestido com fardamento laranja do presídio.

Como não teve a audiência que seria presidida pelo juiz Welington, ele retornou para uma das celas da Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz (UPRI), antiga CCPJ, onde está preso.

FONTE: IMIRANTE.COM

 

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.