Mascar chiclete é bom para recuperação após cesárea, aponta estudo

O estudo, publicado no Journal of Maternal-fetal and Neonatal Medicine, contou com o acompanhamento de 3.041 mulheres.

 

 

Quando uma mãe está prestes a dar à luz a mochila do bebê já fica pronta com todas as roupinhas, cobertores, fraldas. Mas outro item importante deve ser acrescentado: o chiclete! Ao menos para as mulheres que têm uma cesárea agendada.

 

Profissionais de quatro universidades italianas e da Thomas Jefferson University, nos Estados Unidos, fizeram uma pesquisa e mostraram que as mães que mascaram chiclete depois da cesárea tiveram uma recuperação mais rápida das funções intestinais do que as mulheres que receberam os cuidados tradicionais sem o doce.

 

O estudo, publicado no Journal of Maternal-fetal and Neonatal Medicine, contou com o acompanhamento de 3.041 mulheres. Na maioria dos casos, a goma de mascar foi dada as mães logo após o parto, e foi recomendada três vezes ao dia por cerca de meia hora, até as primeiras flatulências -podiam ser puns ou arrotos.

 

As mulheres que mascaram chicletes tiveram um tempo médico menor até a primeira flatulência, para os primeiros sons do intestino, primeiras fezes e primeiro momento de fome depois do parto.

 

Além disso, as que usaram a goma de mascar tiveram os benefícios de menores episódios de náusea e vômito, e sensação de satisfação significativamente maior.

 

A atividade parecer esquisita, já que não estamos acostumados a mascar chiclete depois do parto, mas vale a tentativa de usar a goma de mascar por três vezes ao dia para garantir uma recuperação precoce da mobilidade intestinal. Com informações do UOl São Paulo.

 

 

 

 

 

 

FONTE: MA10

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.