Grávida é assassinada a tiros na Bahia

Edla Oliveira de Souza, 23 anos, filha de um policial civil, foi assassinada com diversos tiros na cabeça, na noite de sexta (30), por volta das 21 horas, no bairro Santa Cruz, na cidade de Luís Eduardo Magalhães, oeste baiano. A vítima estava grávida e foi baleada no momento em que chegava em casa. O suspeito atirou na mulher e fugiu do local. No momento do crime, ela estava acompanhada de um outro homem, que não foi ferido pelo criminoso. De acordo com o Blog do Sigi Vilares, várias cápsulas ficaram espalhadas na sala da residência. A maioria dos disparos atingiram a cabeça. A autoria e a motivação estão sendo investigadas.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.