Governo abre inscrições para recebimento de auxílio

 

 

As inscrições para o edital do semestre 2017.2 começaram hoje (1º) e seguem até o próximo dia 15 de setembro

 

 

 

Estão abertas as inscrições para o programa Cartão Transporte Universitário, que vai auxiliar jovens que precisam percorrer distâncias de mais de 100 km entre suas residências e as instituições de ensino onde estão matriculados. Para o semestre 2017.2, o programa vai beneficiar mil universitários com o auxílio de R$ 800, em parcela única.

As inscrições para o edital do semestre 2017.2 começaram hoje (1º) e seguem até o próximo dia 15 de setembro, exclusivamente pelo site do programa. Os editais serão publicados nos meses de agosto e fevereiro, para vigência limitada no semestre letivo que finda, respectivamente, em dezembro e julho. A cada edital, serão disponibilizadas mil vagas, totalizando 2 mil vagas por ano.

O deslocamento diário no trajeto ida e volta não pode ser inferior a 100 quilômetros, e os alunos precisam apresentar comprovante de matrícula atualizado a cada semestre com a indicação das disciplinas que serão cursadas.

O Cartão Transporte Universitário é uma iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv) e Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), e vai atender estudantes matriculados em cursos presenciais e com regime diário de aulas em Instituições de Ensino Superior públicas ou privadas no Maranhão.

Como participar

Os estudantes interessados deverão acessar o site do programa, preencher ficha de inscrição e anexar documento de identidade e CPF, além de foto 3×4 e comprovante de residência dos últimos seis meses, fornecido por concessionárias dos serviços de água ou energia elétrica. Deve ser apresentado também contrato ou recibo mensal de pagamento, caso o estudante resida em imóvel alugado; comprovante de matrícula no curso declarado, para o período vigente; histórico escolar disponibilizado pelo estabelecimento de ensino; e declaração firmada pelo estudante acerca da veracidade das informações prestadas, com sua ciência sobre as penalidades criminais em caso de falsidade, além da exclusão definitiva do Programa e comprovação de inclusão no Cadastro Único (CadÚnico) para Programas Sociais do Governo Federal.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: MA10

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.