Famílias de Serrano do Maranhão são contempladas com kits sanitários

As primeiras cinquenta famílias do município de Serrano do Maranhão receberam, no último dia 30 de junho, banheiros de uso exclusivo em suas residências. No total, 200 unidades deste tipo de equipamento serão construídas por meio da Caema e entregues para moradores da sede, como parte das ações do Plano Mais IDH até o fim deste ano.

Nessa primeira etapa foram investidos mais de R$ 400 mil somente em Serrano no Maranhão, para levar banheiros dignos e saúde para a população. Por meio do Plano Mais IDH, estão sendo investidos cerca de R$ 60 milhões pelo Governo do Estado, visando levar este tipo de benefício a pelo menos 6 mil famílias nas 30 cidades maranhenses com menor Índice de Desenvolvimento Humano.

De acordo o coordenador da Unidade Especial de Planejamento e Políticas Públicas da Caema, Alexandre Rebelo Ferreira, a entrega de mais estas 50 unidades demonstra o avanço deste programa que vem mudando a vida das famílias beneficiadas, e também uma dura realidade que perdurava no estado por muitos anos.

“De acordo com dados da Síntese de Indicadores Sociais divulgados em 2015 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística no Maranhão, 83,6% das residências não possuem banheiros ou sanitários de uso exclusivo. A iniciativa conduzida por meio da Caema já apresenta mudanças destes índices, permitindo elevar não só o número de banheiros privados e os índices de saneamento básico do estado, mas também a qualidade de vida dos moradores, por meio de segurança hídrica, contribuindo para a saúde e o bem-estar da população”, ressalta Alexandre.

Entre as cidades contempladas, além de Serrano do Maranhão, já foram feitas entregas de banheiros exclusivos para famílias em Araioses, Santana do Maranhão, Água Doce do Maranhão, São João do Sóter e Bélagua. Os kits sanitários têm tamanho padrão de espaço construído de 7m², estruturado com caixa d’água, chuveiro, vaso sanitário, pia, cerâmica, lavanderia e tanque. Os kits dispõem ainda de fossa séptica e sumidouros, respeitando critérios exigidos em padrões técnicos como área disponível e distância de implantação em relação à residência.

As famílias que recebem os kits são passam por meio de processos seletivos realizados de forma conjunta com as prefeituras municipais e cumprem exigências essenciais, como estarem cadastradas no CadÚnico, terem crianças com idade entre 0 e 6 anos, residirem nas sedes dos municípios e não possuírem banheiros com vasos sanitários ou chuveiros. Nessa primeira etapa, destinada a 18 cidades do total de municípios contemplados pelas ações do Mais IDH, serão construídos e entregues kits para 1.350 famílias.

“Nessa primeira etapa, o programa vai atingir diretamente cerca de 6 mil pessoas nestas cidades. É nesse sentido que a Caema tem trabalhado para atingir metas de implantação e entrega destes kits, fazendo com que pessoas que não tinham sequer condições favoráveis para tomar banho e escovar os dentes, possam minimamente fazer sua higiene pessoal com dignidade”, diz Alexandre Rebelo.

Do total de 1.350 kits sanitários a serem construídos e entregues pela Caema, 295 já estão concluídos, 582 estão em execução e 473 estão em fase de mobilização para serem iniciados nos próximos dias.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.