Falsário é preso no Turu com mais de 500 cartões do INSS

andre

Por Mauro Garcia

Fonte: Chibunga

Foi apresentado na manhã desta quarta – feira (15) pela Secretária de Segurança Pública, o estelionatário, André Lemos da Silva. Ele foi é acusado de participar de um poderoso esquema de falsificação de cartões da Previdenciários. A prisão do falsário aconteceu no bairro do Turú, após investigações e monitoramento, onde fora apreendido com o criminoso várias máquinas que fabricavam cartões falsos, e cerca de 517 cartões, sendo que 172 estavam ativos e sendo usados de forma criminosa.

Na coletiva de imprensa a polícia informou que a prisão de André Lemos da Silva, só foi possível através de uma sigilosa investigação, que durou cerca de três meses, realizadas pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), em parceria com o Departamento de Investigações de Crimes Tecnológicos. Os policiais da SEIC descobriram que André Lemos estava desembarcando no Aeroporto Cunha Machado, e vinha sendo minuciosamente monitorado pelos agentes, até o bairro do Turú, onde recebeu voz de prisão após ser abordado. Foi apreendido em poder do estelionatário, diversos maquinários, usados para a fabricação de cartões previdenciários, sendo encontrados, (517), com 172 que estavam ativos, prontos para serem usados de forma a fraudulenta

A Delegada Geral Adjunta de Polícia da Capital, Adriana Amarante, que representou o Secretário de Segurança Pública Jefferson Portela e o Delegado Geral Lawrence Melo, informou que André estava praticando um crime de estelionato perpetrado contra o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS).  Ele somente foi descoberto graças uma denúncia anônima

O caso agora ficará a cargo da Policia Federal, que dará prosseguimento as investigações no sentido de identificar outros envolvidos no crime de estelionato.

A delegada aproveitou o momento para   parabenizar a equipe que fez a apreensão.

“Quero parabenizar a toda equipe da SEIC, pelo excelente trabalho que culminando na prisão do acusado”, ponderou a delegada adjunta.

No encalço do criminoso

O superintendente de polícia, Thiago Bardal ressaltou, que há cerca de três meses, a Seic já vinha investigando André Lemos, o mesmo já teria sido preso no ano 2012 no município de Bacabal, por falsificação de cartões previdenciários e ainda tinha um Mandado de Prisão em aberto, expedito pela Comarca de Bacabal.

Recepção calorosa

Nesta terça-feira (14), os investigadores sabendo que o estelionatário estava chegando a São Luís, prepararam uma calorosa recepção para receber o criminoso, que foi autuado pelos crimes previstos no Artigo 298.1, por clonagem de cartão, furto qualificado.

 

 

 

você pode gostar também Mais do autor

1 comentário

  1. carlos diz

    É TÃO FÁCIL ASSIM FRAUDAR O INSS ??????????????um jovem com 500 cartões ———-NÃO EXISTE MECANISMOS PARA EVITAR FRAUDES COM TANTA FACILIDADE ???????

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.