Facebook diz que reduzirá notícias falsas

“No mês passado, anunciamos medidas para enfrentar o desafio de notícias falsas no Facebook”, disse a redação em língua alemã da empresa de tecnologia dos Estados Unidos. “Vamos colocar essas atualizações na Alemanha nas próximas semanas.”

O ministro alemão da Justiça, Heiko Mass, pediu repetidamente ao Facebook que respeite as leis contra a difamação na Alemanha, que são mais rigorosas do que as dos Estados Unidos.

Outros funcionários do governo expressaram preocupação de que notícias falsas e “discursos de ódio” na Internet possam influenciar a eleição parlamentar de setembro, na qual a chanceler Angela Merkel busca um quarto mandato.

A nota do Facebook disse que a empresa tornará mais fácil relatar itens suspeitos de serem notícias falsas e trabalhar com organizações externas de verificação de fatos.

Sinais de alerta seriam anexados às notícias identificadas como não críveis e as razões que levaram a essa decisão. O Facebook também tornará impossível para spammers forjar os sites de agências de notícias respeitáveis, disse.

Alemanha tem visto um aumento no discurso de ódio na Internet após um afluxo de mais de um milhão de migrantes.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.