Escola serve farinha como merenda escolar em Augusto Correia

Crianças são obrigadas a comer farinha com água no lugar da merenda escolar no Pará. O problema é que a escola não tem outra coisa para dar para as crianças comerem.

Alunos da única escola de Augusto Corrêa, cidade no interior do Estado, não têm o que comer durante o intervalo das aulas.

O “lanche” é feito com a água de um igarapé, que fica próximo à escola, porque no estabelecimento não tem nem água nas torneiras. A prefeitura não se pronunciou sobre as denúncias.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.