Empresário que financiou campanha de Gardeninha indicou secretário na Prefeitura de São Luís

SÃO LUÍS – A crítica que sempre se faz às empresas de São Luís de que não investem seus lucros no no Maranhão é só em parte procedente. Quando se trata de eleições, as empresas não economizam esforços para financiar campanhas. As doações para os candidatos aos mais diversos cargos chega a assustar. É o caso da deputada reeleita Gardênia Maria Santos Castelo Ribeiro Gonçalves (PSDB), mais conhecida por Gardeninha, que arrecadou R$ 911.458,80 durante as eleições deste ano. Essa ‘montanha’ de dinheiro, claro, não saiu do bolso da deputada, mas de seus financiadores, segundo os dados que estão nas prestações de contas dos candidatos, disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

De acordo com o TSE, os maiores doadores à campanha de reeleição da tucana foram empresas do Cauê e Dalcar. Os valores doados somam mais de R$ 350 mil. Em 2008, durante as eleições municipais, as mesmas empresas também bancaram as eleições de João Castelo à Prefeitura de São Luís. Mas, na época das doações, Dalcar e Cauê não possuía vínculo com a gestão pública da Capital.

 

O grupo de consecionaria que bancou a campanha eleitoral de pai e filha, é ligado ao empresario Roberto Albuquerque, que após as eleições de 2008, teve a oportunidade de indicar o atual secretário Municipal de Trânsito e Transporte, José de Ribamar Oliveira.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.