“É uma experiência vitoriosa”, diz Flávio Dino ao abrir Semana de Ciência e Tecnologia em Timon

Com o tema “A matemática está em tudo”, a Semana de Ciência e Tecnologia do Maranhão foi aberta oficialmente na noite desta quarta-feira (25), em Timon. Mais de 3 mil pessoas lotaram os corredores da Cidade da Ciência, montada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), na Avenida Teresina.

São 68 estandes de instituições públicas e de ensino, além das mais de 550 atividades, entre mostras científicas, apresentações de pôsteres e diversos trabalhos científicos incluídos na programação.

“Nossa intenção é que a Semana de Ciência e Tecnologia seja de fato estadual, não seja um evento apenas de uma cidade ou região. Timon, no Leste do Maranhão, recebe o evento mais importante na área da Ciência e Tecnologia, um evento que tem dimensão nacional para que haja a dinamização das atividades de ensino e pesquisa, não só na cidade ou na região, mas em todo o estado”, disse o governador Flávio Dino, que participou da abertura do evento.

Esta é a segunda edição descentralizada da Semana, que no ano passada foi realizada na cidade de Imperatriz.

Flávio Dino ao lado do robozão na Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

Flávio Dino ao lado do robozão na Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

Entusiasmo

“Eu acompanhei os resultados oriundos da Semana de Ciência e Tecnologia de Imperatriz e posso afirmar que é uma experiência vitoriosa porque o que fica depois é muito entusiasmo, muita animação em estudantes e nos professores. Então isso dinamiza a produção acadêmica científica desde o ensino médio, é um esforço de valorização de todos os polos regionais do Maranhão”, completou o Governador.

O evento acontece simultaneamente à Semana Nacional de Ciência e Tecnologia de outras cidades brasileiras. A iniciativa contribui para a popularização da ciência, além de valorizar e incentivar os estudiosos de todas as regiões do estado.

“Nós estamos trazendo a semana para Timon, uma vez que nossos mestres e doutores estão concentrados na capital e isso não é algo adequado para o desenvolvimento de nossa ciência. É por isso mesmo é que nós queremos provocar, mas não só isso, nós queremos mobilizar os nossos pesquisadores de alta performance no interior do Estado a continuar fazendo ciência, promovendo tecnologia e melhor qualidade de vida para nosso povo”, afirmou o secretário de Ciência, Tecnologia e Informação, Davi Telles.

Participantes da Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

Participantes da Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

Para o prefeito de Timon, Luciano Leitoa, o evento é motivo de orgulho. “Só temos a agradecer ao governador Flávio Dino por ter dado a chance de Timon sediar um evento tão importante.  É muito importante ver que tudo aqui se transforma em conhecimento, em oportunidades que vão perdurar por muitos e muitos anos”, disse o prefeito.

A expectativa de público para os quatro dias de evento é de mais de 10 mil pessoas por dia.

Premiação

A abertura também contou com a premiação de pesquisadores, estudantes e instituições que desenvolvem estudos para o avanço do conhecimento no Maranhão.

Entre os premiados, o mestre em Matemática pela Universidade Federal do Tocantins (UFT) e professor do Instituto Federal do Maranhão (IFMA),Daniel Santos de Carvalho, recebeu o Prêmio Elon Lages Lima para a Matemática por se destacar no uso de técnicas pedagógicas de estimulo ao aprendizado. O trabalho foi  focado na participação de alunos em eventos como a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), além do trabalho desenvolvido na Coordenação Regional da OBMEP Maranhão.

Premiação durante a Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

Premiação durante a Semana de Ciência e Tecnologia em Timon (Nael Reis)

“É com grande alegria que recebo esse prêmio porque ele mostra que estamos colhendo os resultados dos esforços em incentivar a melhor participação dos alunos maranhenses na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas”, disse o professor.

Também foram entregues os prêmios de igualdade de gênero na categoria Mestra e Estudante de Doutorado a Grace Kelly Sobral Souza dos Santos, pelo trabalho Mulheres Negras e Relações de Gênero – Narrativas de construção da identidade de mulheres negras participantes do Bloco Afro Akombu do Centro de Cultura Negra do Maranhão; Hellen José Daiane Alves Reis, na  categoria graduada, Especialista e Estudante de Mestrado pela Representação sobre mulheres negras em Livros didáticos de ciências do Ensino Fundamental; na categoria Estudante de Graduação, Mariana Gomes Lúcio de Araújo, pelo projeto Design E o Discurso De Gênero – A Representação do Feminismo Pela Perspectiva de Graduandos do Cursos de Engenharia da UFMA; na categoria Jovem Pesquisadora no Ensino Médio, quem recebeu o prêmio foi Helena Gabriele Mendes Cruz, pela estudo Igualdade de Gênero: rompendo determinismos para alcançar a mudança;  já Maria Mary Ferreira foi premiada na categoria Liderança Feminina com Mary Ferreira: trajetória de luta pela cidadania das mulheres maranhenses.

Também receberam o prêmio Mais IDH para a Ciência, Tecnologia e Inovação a professora doutora Maria Regina Martins Cabral e a estudante de ensino superior Aline Moreno Ferreira.

A Semana

Indo até o dia 28 de outubro, sábado, na Cidade da Ciência, o evento tem exposições, oficinas, minicursos, palestras, lançamentos de livros, além de um auditório com capacidade para mais de trezentas pessoas e espaços para crianças com jogos educativos e o robozão, novidade nesta edição que promete mexer com a curiosidade de crianças e jovens, sempre das 9h às 20h.

A programação completa da Semana de Ciência e Tecnologia do Maranhão pode ser acessada em www.semana.secti.ma.gov.br.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte: governo do estado

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.