Diretoria do Flamengo sinaliza contrações de reforços para o Brasileiro

Um dia depois da invasão que foi o assunto no Flamengo no última segunda-feira (28), Rodrigo Caetano foi à imprensa dar explicações, mas não apenas sobre o problema de segurança no Ninho do Urubu. O diretor executivo revelou que o Rubro-Negro espera aumentar o elenco para o Campeonato Brasileiro e afirmou que a mudança de planejamento em cima da hora – com a utilização do time titular no Estadual – explica a maratona de jogos e o desgaste da equipe.

“Esta maratona nos fez refletir em não enxugar, e sim manter ou até aumentar o número de opções, porque o rodízio e essa questão das peças de reposição será um diferencial para qualquer equipe que tem estádio, que dirá para nós, que não teremos. É algo que estamos tratando internamente e, após o Estadual, vamos pensar com mais carinho. É possível que mantenhamos este número com o acréscimo de mais duas ou três peças visando a maratona que vem a seguir”.

Sobre a entrada dos oito torcedores na manhã da última segunda-feira (28), o diretor negou a versão divulgada por uma das torcidas organizadas do clube e garantiu que não autorizou a entrada dos indivíduos. Caetano admitiu que houve a conversa entre torcedores e jogadores após o treinamento para evitar problemas maiores.

“Eles entraram, tentei demovê-los da ideia, não consegui e fui muito claro: ‘se vocês vão entrar, nós vamos tomar as nossas providências. Infelizmente, não deu tempo. Quando nós começamos a solicitar o aumento de segurança, eles aqui já estavam. Posteriormente, a tentativa foi de minimizar o estrago, tanto que não houve interrupção de treinamento”.

Em meio a turbulência, o Flamengo encara o Vasco na próxima quarta-feira (30), às 21h45 (de Brasília), pela quarta rodada da Taça Guanabara. A partida será no Mané Garrincha e o Rubro-Negro tenta encerrar a sequência de sete jogos sem derrota no clássico para o rival.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.