Criminosos matam mais um líder comunitário no interior do Maranhão

 

Edivan Andrade Martins, o Edivan da Rua 100 , de 32 anos.

Edivan Andrade Martins, o Edivan da Rua 100 , de 32 anos.

TIMON – O líder comunitário e servidor da Prefeitura de Timon, Edivan Andrade Martins, o Edivan da Rua 100 , de 32 anos, foi assassinado a tiros no início da noite de domingo (3). Segundo informações de moradores do Parque Piauí, Edivan transitava em sua moto na companhia de uma mulher pela avenida 3, quando foi assassinado por um motociclista. Edivan não teve chances de defesa e morreu no local.

Ex-funcionário da Secretaria Municipal de Saúde, Edivan estaria prestando serviços para a Secretaria Municipal de Finanças. Liderança comunitária muito conhecida na região da Rua 100, a morte dele pegou muita gente de surpresa. O homicídio é uma perda para a família, amigos e também para o grupo político do prefeito Luciano Leitoa, pois o rapaz era aliado político do atual gestor municipal.

Edivan da Rua 100 foi candidato a vereador em 2012 pelo PPS, na base de apoio do prefeito eleito. Recentemente teria se filiado ao PSDB local, sigla que também é da base de apoio do atual gestor timonense. A polícia civil de Timon já está colhendo os primeiros depoimentos para tentar chegar ao assassino de Edivan e descobrir qual a motivação desse crime bárbaro.

 

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.