Corinthians/ Americana vence Sampaio Basquete em jogo dramático

 
Damiris foi a cestinha do Corinthians/Americana contra o Sampaio Corrêa.
Damiris foi a cestinha do Corinthians/Americana contra o Sampaio Corrêa. – Gaspar Nobrega / Inovafoto

AMERICANA – Depois de uma vitória dramática na terça-feira (8), o Sampaio Corrêa reencontrou o Corinthians/Americana na noite desta quarta-feira (9), no Centro Cívico de Americana, para um confronto direto pela liderança da temporada regular 2015/2016 da Liga de Basquete Feminino (LBF). Mesmo embalado pelo grande resultado na noite anterior, o resultado não foi o que o Tricolor esperava: depois de um início excelente, a equipe maranhense não conseguiu manter o ritmo nos últimos períodos e perdeu por 81 a 68.

A cestinha do Sampaio Corrêa na partida foi Palmira Marçal, que fez 15 pontos em 28 minutos, enquanto a norte-americana Erica Wheeler contribuiu com 12 pontos, oito rebotes e sete assistências. Destaque na primeira partida contra o Corinthians/Americana, a maranhense Iziane Castro sofreu com a marcação do time paulista e fez apenas 10 pontos, mesma marca da ala Brandie Baker. Pelo Corinthians, destaque para a atuação do garrafão: Damiris fez 27 pontos e pegou nove rebotes, enquanto Gilmara anotou 23 pontos.

Com a vitória em casa, o Corinthians/Americana reassumiu a liderança da Liga de Basquete Feminino, empatado com o América (PE): 13 vitórias em 16 jogos e aproveitamento de 81,3%. O Sampaio Corrêa, que sofreu a sua quarta derrota em 16 partidas e já está classificado para os playoffs, está na terceira colocação da LBF, com aproveitamento de 75%.

O Corinthians/Americana defenderá a sua liderança na Liga de Basquete Feminino (LBF) na próxima segunda-feira (14), quando enfrentará o Presidente Venceslau, no Ginásio da UNIESP. Já o Sampaio Corrêa terá quatro jogos seguidos em São Luís antes dos playoffs, sendo que o primeiro deles será disputado na próxima terça-feira (15), contra o Santo André. A partida contra a equipe do interior paulista começa às 20h, no Ginásio Castelinho.

Por O Estado do Maranhão

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.