Caxias recebeu III seminário Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes

A cidade de Caxias- MA sediou na manhã desta última sexta-feira (07), no auditório da escola São José, a III edição do seminário “Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes”. O seminário é uma das ações do programa  SOS Águas do Maranhão, idealizado pelo senador Roberto Rocha (PSB) em parceria com o Instituto Cidade Solidária e o MEA- Movimento Ensinando e  Aprendendo. O objetivo é discutir e fomentar políticas públicas que possibilitem revigorar todas as bacias hidrográficas do estado maranhense.

O evento teve grande adesão dos caxienses, que lotaram o auditório para

trocar experiências com especialistas e autoridades na área ambiental. “A

Bacia do Itapecuru- Sua Importância e Propostas Para a Sua Revitalização”, foi um dos temas abordados durante as atividades técnicas. Os ministradores foram o desembargador, Dr. Arthur Almada Lima (presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias) e o coordenador do Comitê das Bacias Hidrográficas do Itapecuru, Carlos Benedito Maciel. A chefe da Unidade de Meio Ambiente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba- CODEVASF- Ericka Cunha, explicou a sobre o planejamento da Companhia para a Bacia Hidrográfica do Itapecuru.

As atividades técnicas estimularam os debates e promoveram a interação dos participantes, por meio de perguntas e repostas. Elas foram coordenadas pelo vice-prefeito de Caxias, Paulo Marinho Jr. e a Prfª da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Joseleide Teixeira Câmara.

A mesa de abertura foi composta pelo senador Roberto Rocha; o prefeito de Caxias, Fábio Gentil; o vice-prefeito Paulo Marinho Júnior; Liviomar Macatrão, representando o Instituto Cidade Solidária; o presidente da Câmara Municipal de Caxias, Antônio José Bittencourt; o diretor da Área de Revitalização de Bacias Hidrográficas da Codevasf, Inaldo Guerra; Carlos Benedito Maciel, coordenador do Comitê das Bacias do rio Itapecuru; TEN. Sonny, do 2º Batalhão de Engenharia de Construção do Exército; o presidente estadual do PRTB, Márcio Coutinho e a gerente executiva da Caixa Econômica Federal, Regina Célia Barbosa.

Durante o seu pronunciamento, o senador Roberto Rocha anunciou medidas concretas para a revitalização do rio Itapecuru. Entre elas, a liberação de 5 milhões para que a UEMA faça o Plano de Recursos Hídricos do Itapecuru e o projeto de estação de monitoramento para que as águas do rio sejam monitoradas permanentemente. Roberto Rocha destacou, também, que conseguiu junto ao governo federal que o Exército Brasileiro realize o trabalho de desassoreamento dos rios maranhenses. Lembrou que já viabilizou recursos de R$ 2,5 milhões para que a Codevasf faça todo o diagnóstico do rio Itapecuru, e que a sua primeira emenda como senador da República foi destinada para revitalização desse rio, que, segundo ele, deveria estar sob cuidados do governo do estado.

“ O rio Itapecuru é eminentemente estadual, e deveria ser cuidado pelo poder executivo do nosso estado. O governo do Maranhão está convidado para, se assim desejar, participar deste esforço, que não é o esforço de um senador, de um prefeito, ou de uma só pessoa. É um esforço de um estado que procura se levantar para, pela primeira vez, ouvir a voz dos rios que pedem socorro”, disse Roberto Rocha.

Na oportunidade, o senador entregou ao prefeito, Fábio Gentil, uma placa

simbolizando o início do projeto “Adote Uma Nascente”, cuja finalidade é

incentivar a participação voluntária da classe empresarial e da comunidade no processo de gestão ambiental, por meio de ações de recuperação e revitalização de nascentes dos rios.

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil, elogiou a iniciativa do seminário, que

resgatou o debate sobre o problema do rio Itapecuru: “Caxias é uma cidade de águas, e trazer para a nossa cidade este seminário é motivo de muito orgulho, pois ele se propõe a melhorar a nossa vida, porque água é vida”, ressaltou.

Para o presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias,

desembargador Arthur Almada Lima, o seminário Revitalização dos Rios Maranhenses e Suas Nascentes já merece um registro especial na história de Caxias. “Hoje é um dia ímpar na história de nossa cidade, pois o senador Roberto Rocha, por meio deste evento, nos traz a certeza de que a bacia do nosso Itapecuru será, de fato, revitalizada, depois de tantos anos de degradação”, disse.

Como ocorreu nos outros dois seminários, o Instituto Cidade Solidária,

representado pelo Sr. Liviomar Macatrão, fez a doação dos alimentos não perecíveis arrecadados durante o evento. Em Caxias, a instituição beneficiada foi a Fazenda da Esperança, comunidade terapêutica que abriga jovens dependentes químicos que desejam se livrar do álcool e das drogas.

De acordo com o Comitê organizador, o próximo seminário está previsto para ocorrer no mês de agosto, na cidade de Grajaú.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.