Brasileirão 2018:Imperatriz no Frei Epifânio e assume a vice liderança do grupo A6

Com boa atuação e três gols marcados, do total de quatro que garantiram a primeira vitória do Imperatriz na Série “D”, o atacante Júnior Chicão foi o nome do jogo. Após a vitória por 4 a 0 contra o Guarani de Juazeiro, na noite deste domingo (13), o Cavalo de Aço chegou aos 6 pontos em quatro partidas e está na segunda posição no Grupo “A6”, sendo o décimo melhor segundo lugar da competição e, ainda, tem dois jogos um casa e outro fora.

Diante a necessidade de vencer o Imperatriz foi para cima do Leão do Mercado desde os primeiros minutos, mas perdeu muitas chances de gols no primeiro tempo. O gol de abertura do placar foi nos aos 46 minutos do primeiro tempo em cabeçada do zagueiro Micahel, aproveitando cobrança de falta do meia Eloir.

O Guarani chegou apenas uma vez com perigoo na área do Imepratiz na primeira etapa.

Motivado, na etapa final o Imperatriz foi para cima e ficou exposto aos contra-ataques, mas a zaga conseguiu se virar nas poucas vezes que o adversário levou relativo perigo a área do goleiro Jean.

O Guarani estava resistindo bem até ter de fazer duas substituições por contusão de Diego Recife pelo atacante Alexandre, de Balotelli pelo atacante Fábio Faquinha. No primeiro tempo Geovane havia saído por contusão para a entrada de Dunga.

No Imperatriz Marcinho, também, fez mudanças que ajudaram o time a embalar no placar. Primeiro saiu Adauto Júnior para a entrada de Taynan, depois Marcinho Guerreiro trocou Kanu pelo meia Kaká e por último saiu Eloir para a entrada de Mateus Ferreira.

A partir daí o Imperatriz melhorou, ainda, mais com os bolas chegando em Júnior Chicão que marcou gols com sua característica original de driblar a zaga e marcar: os gols foram marcados aos 46 minutos (Michel, de cabeça); Júnior Chicão, aos 31 minutos. Júnior Chicão aos 38 minutos e mais uma vez Júnior Chicão aos 39 minutos.

Júnior Chicão faz a festa

Os três gols levaram o atacante a desabafar no fim da partida. O atleta, que já havia corrido para o alambrado para ser abraçado pela torcida em seu primeiro gol deu entrevista emocionado e pediu gol para o Fantástico.

Sem marcar desde o Campeonato Maranhense, Júnior Chicão disse que está triste, preocupado por não marcar e agradeceu a Deus pelos gols. Ele disse que prometeu marcar um gol para sua mãe e foi abençoado com mais dois gols.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.