Adolescente morre em tentativa de assalto em Água Santa, Zona Norte do Rio

Moradores afirmam que mãe de jovem de 15 anos passou mal ao ver o corpo do filho.

 

 

O adolescente Guilherme Alves Ancelmo, de 15 anos, foi morto por volta das 7h da manhã desta quarta-feira (12), na Rua da Pátria, em Água Santa, na Zona Norte do Rio. O menino, que foi baleado com um disparo na testa no começo da manhã 6h55. Guilherme estava indo para a escola quando dois homens em uma moto o abordaram e pediram o celular. O menino não teria entregado e, por isso, os bandidos atiraram nele.

De acordo com informações de testemunhas, a mãe do jovem viu o filho morto na rua, passou mal e teve que ser levada para o hospital.

Mãe de Guilherme se desesperou ao ver corpo do filho (Foto: Fernanda Rouvenat / G1)

Mãe de Guilherme se desesperou ao ver corpo do filho (Foto: Fernanda Rouvenat / G1)

Um dos amigos passou de ônibus no local do crime, logo depois de Guilherme ter sido atingido. “Eu passei de ônibus e vi. Reconheci pelo tênis”, disse o menino.

Os estudantes contaram ainda que outros dois amigos estavam próximos de Guilherme na hora da tentativa de assalto chegaram ouvir o barulho dos tiros. Eles chegaram perto e reconheceram o corpo do amigo.

Para os amigos do colégio de Guilherme, o crime foi um tipo de “vingança”. Segundo uma das estudantes, na semana passada, ela, Guilherme e mais um amigo, estavam no mesmo ponto de ônibus quando os assaltantes chegaram e pediram os celulares. A menina entregou, mas Guilherme é o outro amigo não deram o aparelho. Eles viram que os homens não estavam armados e chegaram a lutar corporalmente. “Hoje, eles vieram com arma”, lamentou a estudante de 16 anos.

Amigos de escola de Guilherme lamentam morte do garoto (Foto: Fernanda Rouvenat / G1)

Amigos de escola de Guilherme lamentam morte do garoto (Foto: Fernanda Rouvenat / G1)

Apesar da suspeita de que ele tenha sido vítima de uma tentativa de assalto, a polícia informou que ainda não sabe a dinâmica do crime.

Guilherme foi morto quando ia para o colégio (Foto: Reprodução / Facebook)

Guilherme foi morto quando ia para o colégio (Foto: Reprodução / Facebook)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: G1

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.